Indo a Singapura? Não se esqueça do tax refund após as compras

Indo a Singapura? Não se esqueça do tax refund após as compras

Gostou? Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Singapura é a meca das compras na Ásia.

São inúmeros shoppings, comércios e muitas, muitas, muitas lojas de grifes internacionais.

Perdemos as contas de quantas lojas Chanel, Gucci, Hermès, Prada, Louis Vuitton… vimos por lá. Na Orchard Road, uma longa avenida com shoppings um atrás do outro – e de ambos os lados da avenida – parecia ter uma Chanel a cada esquina. E isso se repetia para todas as outras marcas…

SingapuraSingapuraSingapura Singapura

E pasmem! Mesmo com essa quantidade repetida de lojas, elas estão sempre cheias.

Para completar, os shoppings são sofisticados e têm design criativo. Um dos que mais nos chamou a atenção foi o ION Orchard, com sua fachada de espelhos (e vídeos) nada retilínea.

SingapuraSingapura

Por lá também há shoppings que vendem exclusivamente produtos eletrônicos, como, por exemplo, o Funan Digitalife Mall.

Singapura

Antes que você se empolgue, fica aqui uma notícia desanimadora. Prepare o bolso, pois os preços não são nada atraentes.

Mesmo nas lojas mais em conta, como a Forever 21, H&M, Topshop… , os preços não se comparam àqueles dos Estados Unidos. Dá para encontrar alguns bons achados, mas para isso é preciso ter sorte e paciência.

Confesso que, no nosso caso, não houve sorte nem paciência. O Fred não comprou nada e minha única aquisição foi um único lenço, resultante de uma paixão à primeira vista.

De qualquer modo, sendo o objetivo fazer compras ou não, visite a Orchard Road. A arquitetura e o movimento sempre constante valem o passeio. Além disso, dá para curtir o ION Sky, o observatório do 56° andar do ION Orchard, com vista 360° de Singapura.

Se fizer compras, não esqueça de receber a devolução do imposto – tax refund. Para isso, é necessário que a compra seja igual ou superior a $100 dólares de Singapura. Na loja, apresente o passaporte e pergunte pelo GST Refund Voucher. Se a loja adotar o sistema eletrônico (eTRS), é necessário apresentar um cartão de crédito para armanezar todos os dados relativos às compras com direito a tax refund (eTRS Token). Se a loja não tiver o sistema eletrônico, será entregue uma nota com as informações da devolução do imposto.

Ao chegar no aeroporto, vá ao GST Refund e apresente a nota fiscal da compra, o cartão de crédito informado, o passaporte, o TRS Ticket e o cartão de embarque.

Singapura

É necessário apresentar na alfândega as mercadorias compradas. Se for bagagem de mão não há maiores problemas. No entanto, se a mercadoria for despachada na mala, é preciso obter o selo da alfândega antes de despachá-la.

No aeroporto há várias placas com informações sobre o procedimento do GST Refund. Os funcionários do aeroporto são bem solícitos e explicam tudo com bastante paciência.

SingapuraSingapura

O procedimento também pode ser feito em terminais de autoatendimento (eletronic tourist refund scheme).

Depois disso, é só optar pela devolução do crédito no cartão de crédito ou em espécie. No primeiro caso, o valor é creditado no cartão em até 10 dias. Para devoluções em cash, basta comparecer ao balcão do GST Refund na área de embarque após a imigração.

Singapura

Veja mais informações sobre a devolução do imposto aqui e aqui.

Gostou? Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

8 respostas

  1. Achei bons preços sim (ótimos) para câmera Nikon, relógio Tissot; sem falar nas lojas de griffe ( LV,Prada..isso é, em comparação com os daqui com nossos impostos e sem refund)! Funciona muito bem o sistema de refund, GST no Changi (Aeroporto de Cingapura),porém chegue com pelo menos 3 hrs de antecedência,especialmente quando der sorte de pegar um vôo lotado de chineses e japoneses no mesmo horário do seu!!

    Responder

  2. Oi Gustavo!
    Sério que vc os preços ótimos?!
    Ou eu não procurei bem ou fui com os preços dos Estados Unidos na cabeça… Acho que essa segunda opção é a mais provável.
    De fato, os preços são mais em conta do que aqueles aqui do Brasil, mas superior aos valores cobrados nos Estados Unidos.
    Obrigada pelas dicas!!
    Bjs, Anna

    Responder

  3. Oii Anna, tudo bem?! Não sei se vc responde post antigos, mas vou tentar! Vou viajar para o Sudeste Asiático segunda agora, mais especificamente para Bangkok, Bali e Singapura. Também vou a Dubai. Li todos os seus posts sobre Bali e Singapura e vc está de parabéns! De todos os blogs que li, o seu foi o que mais me ajudou, posts muito bem organizados e com ótimas dicas! É difícil encontrar info sobre esses países, não há muitos guias aqui no Brasil. Estou querendo comprar um laptop e vestidos de festa hahah nada a ver um com outro… mas vc acha que compensa (pelo valor) comprar em alguma dessas cidades?! Obrigada 😉

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    dezembro 11th, 2012

    Oi Rafaela!!
    Eu respondo sim todos os comentários!!! Mesmo nos posts mais antigos, rsrs
    Fico muito feliz em saber que vc encontrou boas dicas por aqui!! Sinal que estamos fazendo o trabalho direito!! 🙂
    Não conheço Bangkok, então vou te falar sobre Bali e Singapura. Em Singapura, há grandes chances de vc encontrar o computador e o vestido. Os preços costumam ser bem caros, especialmente nas lojas mais famosas. Mas pode ser que encontre algum preço interessante. Torça pelas promoções de fim de ano!!
    Penso que Singapura seja o lugar mais indicado para encontrar eletrônicos. Lá tem alguns shoppings só de eletrônicos, como o Funan: http://www.funan.com.sg/malls/website/index.aspx
    Em Bali, mais precisamente em Seminyak, há várias lojas de roupas. Algumas bem interessantes. Não sei se tem vestido de festa, mas lembro de ter visto roupas de sair à noite bem legais. E tudo bem fashion e atual. Roupas com detalhes em couro, spikes, seda…
    Espero que tenha ajudado!!
    Aproveite muito!! E depois volte para compartilhar as suas dicas!!
    Bjs, Anna

    Responder

  4. Olá! Estarei em Singapura em Julho, bem no final da "The Great Singapore Sale". Me surpreendi quando você disse que os preços não são muito atraentes. Sabe alguma coisa sobre esse período de promoções? Será que nessa época os valores se compraram com Miami e Orlando?
    Muito Obrigado!

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    março 11th, 2013

    Olá Mateus!
    Infelizmente não sei dizer sobre os preços em Singapura na época das grandes promoções…
    Tomara que sejam tão tentadores como nos Estados Unidos. Eu viajei no mês de outubro e achei os preços bem salgadinhos.
    Depois me conte se vale a pena programar uma viagem para esse período de promoções!
    Aproveite muiiito!
    Bjs, Anna

    Responder

  5. Oi Anna eu e minha esposa gostaríamos de ir pra Singapura passear, será que podemos ir por conta?! … ou seja sem ser por agência? Estávamos meio indeciso pra onde ir, mas depois q vi alguns Posts seus e vídeos relacionados na net, fiquei realmente encantado pelo País (SINGAPURA), e sinceramente falando; teria até vontade de algum dia morar naquele País. Ah! Nosso Inglês é o intermediário, mas como esta em nosso projeto irmos o ano que vem (2015), certamente nosso inglês estará mais avançado. Abraços e aguardaremos vossa opinião. Jean & Aline

    Responder

  6. Olá Jean!
    Eu, particularmente, fiz toda minha viagem para a Ásia, com parada em Singapura, sem a utilização de agência de turismo.
    É claro que dá mais trabalho, pois é vc mesmo que terá que programar tudo e comprar os passeios e trechos aéreos. Mas não há problema nenhum. O povo é simpático e sempre procura te ajudar!
    Tomara que consigam ir!!! 🙂
    Bjs, Anna

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias
Posts Recentes