Venda do Bento: um pouco de restaurante, um pouco de museu

Venda do Bento: um pouco de restaurante, um pouco de museu

Gostou? Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Em Pirenópolis, um endereço que vale a visita é a Venda do Bento.

Restaurante Venda do Bento

O lugar não é um simples restaurante. É também um museu, armazém e fazenda. Antes de funcionar como restaurante, o local abrigava um armazém de secos e molhados que abastecia toda a região. O jeito de armazém e de casa de fazenda foi preservado. O resultado ficou realmente interessante.

A casa colonial é ampla e as mesas ficam espalhadas nos salões e na varanda.

Restaurante Venda do Bento Restaurante Venda do Bento Restaurante Venda do Bento Restaurante Venda do Bento

Nos vários cômodos os objetos antigos compõem a decoração. Há de tudo um pouco. Máquinas de costura, câmeras fotográficas, ferro de passar roupa, enciclopédia, vitrola…

Restaurante Venda do Bento Restaurante Venda do Bento

Máquina registradora, pinguim de geladeira, fotografias preto e branco, quadros que contam a história da cidade e produtos do tempo da vovó também têm seu lugarzinho por lá.

Restaurante Venda do BentoRestaurante Venda do Bento

No meio de tantos itens inusitados, não poderiam faltar os guerreiros das Cavalhadas e o “mascarado”, ícones da festa das Cavalhadas. A festa representa a luta travada durante as Cruzadas, em que os cristãos tentavam converter os mouros ao cristianismo. Reza a lenda que as pessoas negras não poderiam participar da festa e, por isso, utilizavam máscaras nos rostos e roupas de mangas compridas para evitar que fossem reconhecidas. Atualmente os “mascarados” atuam como uma espécie de animadores da festa.

Restaurante Venda do BentoRestaurante Venda do Bento

A comida agradou tanto quanto a decoração. De entrada, a casa oferece uma paçoquinha de pilão (farofa de carne), que experimentamos juntamente com uma cerveja gelada e linguiça de porco na cachaça (R$ 20).

Restaurante Venda do Bento

Para o prato principal, foi difícil escolher entre o javali ao molho de rapadura, o confit de capivara ao molho de jabuticaba, o camarão com queijo coalho e melado de cana ou o carré de cordeiro ao molho de jabuticaba.

Acabamos provando o maravilhoso carré de cordeiro que vem servido com arroz de queijo (R$ 96, serve duas pessoas). O cordeiro estava macio, suculento e combinou perfeitamente bem com a jabuticaba. O arroz, que lembrava um risotto, deu o gran finale.

Restaurante Venda do Bento Restaurante Venda do Bento

Depois da comilança, conseguimos dispensar a sobremesa. Só não deu para resistir ao convidativo redário…

Restaurante Venda do Bento

O restaurante funciona aos sábados, domingos e feriados de 12h às 18h. Tel: (62) 3331-1162.

O endereço é GO 338, KM 4. O restaurante não fica no centrinho de Pirenópolis. Para chegar lá, é necessário ir de carro. As referências são a saída da Goianésia e o “aeroporto” da cidade.

Gostou? Compartilhe!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

10 respostas

  1. Anna, essa cerveja "Paulistânia" é boa? Não conheço. Esse lugar me lembrou o restaurante Tio Pepe, aqui de Boa Viagem.

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    maio 24th, 2012

    Oi Guilherme!!
    Confesso que não sou a maior entendedora de cervejas, mas o Fred, que gosta e tá sempre provando novos rótulos, gosta bastante!
    Essa cerveja é produzida no interior de São Paulo e por aqui é fácil de ser encontrada.
    Dei uma olhada na internet e acho que lembra mesmo o restaurante Tio Pepe que vc mencionou, pelo menos no quesito decoração… muito legal!
    Bjs, Anna

    Responder

  2. Querida Anna,

    Adoro este lugar! Inclusive vários motociclistas de Brasília costumam fazer um "bate-volta" nos finais de semana para curtir a excelente comida e fugir da confusão dos restaurantes mais conhecidos de Pirenópolis.

    Abraços ao Fred!
    Joel Neto

    Responder

  3. Adoro cerveja! Mas estou evitando, por enguanto só vinho ou uma caipiroska.

    Pergunta pro Fred se ele conhece uma cerveja Belga chamada "Fat Tire". Uma amigo meu que tava trabalhando ai em Brasilia tomou ela ai e me falou que eh otima. Por aqui eu não achei.

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    maio 26th, 2012

    Oi Guilherme!
    Perguntei para o Fred, mas ele não conhece essa cerveja…
    Vou até procurar depois para comprar.
    Bjs, Anna

    Responder

  4. este lugar é fera mesmo, outro lugar pra ficar como dica e se hospedar e a pousada de charme villa do comendador show, o chef da venda o tal vinicius e Fabio tambem são chefs lá, eles que me indicaram e valeu apena, das 3 ou 4 pousadas que fiquei esta tem o melhor custo beneficio.
    Berg

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    dezembro 19th, 2012

    Olá Gutemberg!
    Muito obrigada pela dica!! Já ouvi muitos elogios mesmo à Pousada do Comendador!!
    Anotada a dica para a próxima viagem a Pirenópolis!! 🙂
    Bjs, Anna

    Responder

  5. Oi Anna, fiquei babando aqui nas fotos das comidas
    vou anotar esse endereço pra ir lá conhecer!
    Estamos indo no começo de junho pra lá. No finzinho da temporada das cavalhadas:)
    abs
    Claudio

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    maio 2nd, 2014

    Olá Cláudio!
    Que legal!! Adoro Pirenópolis! E na época das Cavalhadas deve ficar ainda mais linda!
    Espero que gostem do restaurante, assim como eu!! Depois volte para contar como foi! 🙂
    BJs, Anna

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias
Posts Recentes