Para quem procura um hotel moderno, com ótima localização e preços interessantes, o Hotel Mayerling, antes denominado Hotel Chic&Basic Mayerling, é uma ótima opção.

Localizado bem próximo da Plaza Mayor e da estação de metrô Tirso Molina, e a uma curta caminhada dos museus do Prado, Reina Sofía e Thyssen Bornemisza, o hotel conta com 22 quartos e uma atmosfera jovem e descontraída.

No lobby, o piso e teto escuros contrastam-se com as paredes brancas. O decor é contemporâneo e o toque de humor fica por conta dos desenhos nas paredes e das imagens nos degraus da escada.

Hotel MayerlingHotel MayerlingHotel Mayerling

Os quartos são divididos em duas categorias: standard e superior. A diferença entre eles é basicamente o tamanho. Ambos são quartos duplos, com camas de solteiro ou casal. O quarto superior, por ser um pouco maior, pode ser convertido em quarto triplo.

Escolhemos o quarto superior, que agradou bastante pelo espaço. A decoração é bem minimalista e o branco é a cor predominante. Há um armário aberto e uma pequena estação de trabalho, com mesa e cadeira.

Hotel MayerlingHotel Mayerling

No banheiro a pia é integrada ao quarto. O vaso e o chuveiro ficam separados por um vidro opaco escuro.

Hotel MayerlingHotel Mayerling

No quarto e nas aréas comuns do hotel há wifi gratuito.

No valor da diária, está incluído café da manhã. As opções são reduzidas, mas suficientes para começar bem o dia. Há sucos, pães, geleia, chá e café. Durante todo o dia, as bebidas ficam disponíveis aos hóspedes, no sistema “help yourself”, ou sirva-se à vontade.

Hotel Mayerling

Enfim, fazendo um trocadilho com um antigo nome do hotel (Chic&Basic Mayerling), o hotel é mais basic do chic, mas, ainda assim, é uma boa opção de hotel da linha BBB (bom, bonito e barato).

Pontos altos:

- A localização é excelente. É possível visitar vários pontos turísticos a partir do hotel e, no caso de deslocamentos mais longos, há uma estação de metrô bem próxima.

- O hotel é moderno e tem decor descolado e jovem.

- O custo-benefício é bem interessante.

Pontos negativos:

- O quarto é bem minimalista e falta um pouco de aconchego e calor humano. Talvez só alguns quadros ou cores nas paredes (ou na roupa de cama) já resolvessem o problema.

Informações úteis:

A diária, em tarifa não reembolsável, começa em 65 euros para o quarto standard. A tarifa do quarto superior, segundo informações do site do hotel, é de 100 euros, para o quarto duplo.

End: Conde de Romanones 6, Madri

É isso mesmo! Fomos convidados pelo Discover America para representar o Brasil em uma campanha lançada no início do ano, com o objetivo de conhecer e divulgar roteiros clássicos pelas estradas americanas. Não é o máximo?!

Road Trip USA

A Great American Road Trip foi lançada em fevereiro e já percorreu oito roteiros por diversos estados americanos. Todos os roteiros são incríveis e tentadores!!! Atualmente, um mexicano está percorrendo a primeira parte da Costa Atlântica, que será concluída por nós!

Road Trip USA

E cada país foi convidado para conhecer um roteiro diferente:

Fevereiro: Pacific Coast Highway (Japão)
Março: Trilha do Texas BBQ (Coréia do Sul)
Abril: Havaí e Hana Highway (China)
Abril: Rota 66: Chicago a Los Angeles (Global)
Abril: Great River Road (Austrália)
Maio: Trilha da Cerveja Artesanal (Alemanha)
Maio: Trilha do Oregon (UK)
Junho: Costa da Nova Inglaterra (Canadá)
Junho: Costa Atlântica (México – Parte I)
Julho: Costa Atlântica (Brasil – Parte II)

O objetivo da campanha é divulgar a nova plataforma do DiscoverAmerica.com, onde qualquer pessoa pode acessar e montar o seu próprio roteiro de carro pelos Estados Unidos – totalmente em português! O sistema é integrado com o Google Maps e utiliza como base as dez rotas sugeridas no sistema, com diversas opções de paradas e com dicas de cidades interessantes no caminho.

Road Trip USA

A plataforma ficou tão bem formulada, que ao clicar em qualquer ponto de parada sugerido, há fotos e informações sobre aquele destino/passeio/experiência, poupando tempo de pesquisa do viajante, e trazendo um roteiro nos mínimos detalhes para você apenas se preocupar em fazer as malas e embarcar na aventura!

Road Trip USA

O nosso roteiro está previsto para começar na cidade de Norfolk (Virginia) e terminar em Orlando (Flórida), com muitas paradas e diversas experiências on the road. Como viajar de carro traz total flexibilidade, muita coisa pode mudar durante os dias na estrada, então fiquem ligados que teremos bastante coisa para compartilhar.

Durante a viagem, que começa na próxima segunda-feira, dia 30 de junho, teremos posts diários aqui no blog com um resumo das atividades do dia. Além disso, nosso Instagram, Twitter e Facebook estará cheio de fotos, vídeos e informações em tempo real.

Acompanhe também as redes do Discover America e veja as fotos dos outros roteiros, além das experiências que eles já tiveram nas estradas dos EUA pelo Facebook, Twitter e Instagram. As hashtags oficiais são #RoadTripUSA #DiscoverAmerica e #AtlanticCoastHighway.

Por último, mas não menos importante: o Discover America fez uma parceria com a Warner Music e o Spotify, criando playlists inspiradas nas rotas icônicas e viagens rodoviárias pelas estradas dos Estados Unidos. Ao compartilhar um roteiro no seu Facebook, você recebe duas músicas inspiradas naquela rota que compartilhou. ;D

Road Trip USA

Agora que você já sabe pra onde vamos, separe o seu protetor solar, óculos de sol e vem com a gente!

Para ter mais informações e acessar os roteiros da Road Trip, acesse http://www.discoveramerica.com.br/usa/road-trips.aspx

 

* Diego Paiva viajará para os Estados Unidos a convite do Discover America.

Moscou. Fim de tarde. O horizonte ganha tons alaranjados e os gigantescos prédios, herança do comunismo, começam a ser iluminados. É o melhor horário para fazer um passeio de barco pelo rio Москва (Moscou, em português).

O rio Moscou cruza o coração da cidade e o passeio vira um verdadeiro city tour, rendendo fotos maravilhosas. Dá para avistar o Kremlin, a Catedral de São Basílio, o Monastério de Novodevichy…

Passeio de barco pelo rio Moscou

Existem várias empresas que fazem os passeios de barco. Escolhemos a The Radisson Royal Flotilla e adoramos! O barco é bem luxuoso e dispõe de área fechada com serviço de bar e restaurante, além de um deck aberto.

Passeio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio Moscou

As saída são feitas do Ukraina Hotel Pier ou do Gorky Park Pier. O tour dura entre 2h30 a 3h e não há paradas durante o percurso.

Iniciamos o passeio às margens do impressionante Ukraina Hotel, que hoje é um luxuoso hotel da rede Radisson. O edifício foi construído em 1955 e tem arquitetura em estilo soviético. Era o hotel mais alto do mundo à época de sua construção e ficou conhecido como um dos “7 arranha-céus de Stalin”, ou como uma das “Sete Irmãs”. As “Sete irmãs” é o nome popular dado ao conjunto de arranha-céus construídos em Moscou entre o final dos anos 40 e início da década de 50 do século XX, com objetivo de demonstrar o poder soviético frente ao Capitalismo.

Passeio de barco pelo rio Moscou

À medida que o barco vai navegando, surgem construções imponentes como The Russian Federation House of Government, que seria a “Casa Branca russa”, o Monastério de Novodevichy, que, segundo dizem, teria sido o local que inspirou inspirou Tchaikovsky a compor “O Lago dos Cisnes”, o Luzhniki Stadium, estádio que sediou os jogos olímpicos de 1980, e a Universidade de Moscou, que fica no ponto mais alto de Moscou (Sparrow Hills), e é mais um dos edifícios que formam as “Sete Irmãs”.

Passeio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio Moscou

Mas é quando se aproxima o Kremlin e a Catedral de São Basílio que os flashes não param de pipocar. Essas duas construções são espetaculares de qualquer ângulo, mas vistas do barco ficam ainda mais surpreendentes!

Passeio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio Moscou Passeio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio Moscou

Outro destaque é a Catedral de Cristo, o Salvador, com suas cúpulas douradas.

Moscou IMG_0913

O Edifício Kotelnicheskaya Embankment, mais uma das “Sete Irmãs”, também não fica atrás. A construção é muito imponente!

Passeio de barco pelo rio MoscouPasseio de barco pelo rio Moscou

Enfim, navegar pelo rio Moscou é um passeio mais do especial. Impossível não se apaixonar pela capital russa!

Informações:

O passeio de barco funciona diariamente, seja no verão ou inverno. As saídas ocorrem a partir de 13h até às 21h. Os horários de saída variam conforme o pier de saída. Veja os detalhes aqui. Vale lembrar que, no verão, os dias escurecem muito (mais muito) tarde, por conta do “sol da meia-noite”. Então, se quiser tentar ver o pôr do sol, escolha o último horário.

O ingresso do tour pode ser comprado na hora do embarque ou antecipadamente pelo site da Radisson Cruise. O ingresso para o tour de 2h30 custa 900 rublos por pessoa, cerca de R$ 58. Crianças de 6 a 12 anos pagam 650 rublos, cerca de R$ 42. Menores de 5 anos não pagam. Não valor do ingresso não estão incluídas comidas ou bebidas. Se houver consumação, o pagamento é feito na hora, com dinheiro ou cartão de crédito.

Durante o passeio, a tripulação disponibilza um audio guide gratuito com informações sobre os pontos turísticos. Quem tem iphone, pode baixar o app que traz as mesmas informações. Outra informação importante: no barco tem wifi gratuito.

Como todo mundo já sabe, a Copa do Mundo no Brasil começou na semana passada e tem surpreendido muita gente.

A procura por ingressos aumentou consideravelmente nos últimos dias, mesmo depois do início do torneio. Muitas pessoas que consideravam ficar em casa e assistir os jogos pela TV têm se empolgado com a festa e tentado um ingresso de última hora.

Envolvido por essa vontade de participar da torcida e sentir a energia de um jogo do mundial, decidi fazer plantão no site da FIFA e, por sorte, consegui um ingresso na véspera do primeiro jogo em Brasília.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Suíça e Equador abriram os trabalhos no Estádio Nacional Mané Garrincha, marcando a maior quantidade de público em um jogo da Copa no Brasil até o momento.

Agora contamos como foi, na prática, o esquema de trânsito e transporte público, a retirada de ingresso, e a entrada e saída do estádio. Saiba também quais são as nossas dicas para facilitar a vida de quem participará das próximas seis partidas no Distrito Federal.

Para chegar ao estádio

Foi montada uma grande infraestrutura nas proximidades do estádio capaz de atender muito bem quem chega de carro, ônibus, metrô, bicicleta e a pé. E como os carros são o meio de transporte preferido dos brasilenses, foi criado um esquema especial para o trânsito de carros de passeio nas proximidades do Mané Garrincha.

De carro:

O estacionamento público mais próximo do Estádio Nacional Mané Garrincha é o do Parque da Cidade, com aproximadamente 10 mil vagas disponíveis. Os bolsões que ficam próximos do Parque Ana Lídia e do kartódromo são os primeiros a encher – inclusive com os carros dos voluntários, que chegam *muito* antes de qualquer espectador. De qualquer forma, todos os estacionamentos do parque estão abertos e chegando com pelo menos duas horas de antecedência, é perfeitamente possível estacionar no Expo Brasília, conhecido também como Estacionamento 1 (Pavilhão).

Copa do Mundo - Brasil 2014

Fonte: http://www.detran.df.gov.br/noticias/item/2416-tr%C3%A2nsito-durante-jogos-da-copa-do-mundo-fifa-2014.html

O trânsito dentro do Parque da Cidade foi alterado e só é permitido circular no sentido anti-horário nas entradas próximas ao Setor Hoteleiro e Setor de Rádio e TV. Somente os ônibus circulares da TCB – gratuitos – são permitidos no sentido contrário. Com o objetivo de evitar engarrafamentos, o DETRAN liberou uma das faixas no sentido inverso para que os carros circulem sem problemas dentro do parque.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Há ônibus circulares gratuitos a cada 5 minutos dentro do parque para levar as pessoas até a saída próxima à FUNARTE, logo atrás da Torre de TV. Dali em diante basta atravessar o Eixo Monumental e entrar no estádio.

Outra opção de estacionamento próximo é o dos Setores Comerciais Sul/Norte, mas ainda recomendo o do parque, por estar mais próximo e ter visto uma quantidade maior de policiais na área.

Há também o estacionamento do Shopping Popular, mas como não passei por lá, não sei informar como estava a segurança, nem o transporte prometido entre o estacionamento e o estádio. Por ser muito distante, é melhor evitá-lo, pois pode ter algum problema com os ônibus circular e terá que andar *muito* até chegar lá.

No caso de estacionamentos pagos, vale tentar o estacionamento do Shopping ID, que fica ao lado do Brasília Shopping. Poucos conhecem esse estacionamento e é possivelmente um dos estacionamentos mais próximos ao estádio.

De ônibus ou metrô:

O melhor a ser feito é ir até a Rodoviária do Plano Piloto e de lá seguir a pé para o estádio, ou pegar os ônibus circulares – gratuitos –  da viação Piracicabana até a FUNARTE. Os ônibus estão saindo dos boxes próximos à entrada do metrô. O comandante Ricardo Freire utilizou o transporte público e conta tudo lá no Viaje na Viagem, dando ótimas dicas a quem vem para os jogos na cidade.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Quem opta por ir a pé, pode ficar despreocupado, pois tem muito movimento na rua. Além disso, muitos policiais fazem a segurança dos torcedores e o Eixo Monumental no sentido Rodoviária do Plano Piloto -> Estádio está interditado até o Palácio do Buriti.

De bicicleta:

Copa do Mundo - Brasil 2014

Não precisa se preocupar em pensar onde deixará a bike, pois foi montado um paraciclo (bicicletário) próximo ao Planetário, com segurança durante todo o tempo. E o melhor: é totalmente gratuito. Há ciclovia por todo o Plano Piloto, que levam ao estádio.

Para retirar o ingresso

Há dois pontos de retirada de ingressos: um no Aeroporto JK e o outro no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. O funcionamento dos dois vai até o intervalo do jogo, permitindo que quem acabou de chegar na cidade, ou quem comprou de última hora, possa ter acesso aos ingressos.

O procedimento é bem simples e muito rápido, principalmente se você estiver com o cartão de crédito que realizou a compra e não tenha que comprovar nenhuma condição exigida, como: estudante, idoso, portador de cartão bolsa família, pessoas com mobilidade reduzida, cadeirante ou pessoas obesas.

Copa do Mundo - Brasil 2014

No meu caso, como eu não tive que comprovar qualquer condição especial, fui direto até a máquina de autoatendimento, inseri o cartão, data de nascimento, tirei a foto exigida e peguei o ingresso em exatos 3 minutos. Rápido e prático! Já começou aí o padrão FIFA, rs.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Quem necessita provar as condições citadas anteriormente, precisa pegar uma fila e retirar o ingresso direto com um atendente. Quando fui, estava bem vazio e não demorava muito. De qualquer forma, recomendo chegar com 3 horas de antecedência, caso faça parte de um desses grupos.

Estádio e partida

As longas filas de acesso ao estádio foram o ponto negativo no primeiro jogo realizado em Brasília. Felizmente, há como contornar o problema e evitar transtornos.

Pelo que presenciei, o grande problema da fila era que as pessoas que vinham da Rodoviária, FUNARTE e Torre de TV avistavam apenas dois portões de entrada, concentrando toda a fila em um número limitado de aparelhos de raio-x que realizavam a conferência de todas as pessoas.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Por ter vindo do Centro de Convenções, encontrei outros dois portões quase vazios e subutilizados, tanto que entrei em cinco minutos. Pessoas que chegaram praticamente no mesmo horário que eu, mas estavam na outra fila, só entraram no intervalo do jogo.

Enquanto fazia algumas fotografias externas, vi alguns voluntários com megafone instruindo as pessoas a mudarem de fila e explicando que a outra entrada estava vazia. Porém, sem sucesso.

Então fica a dica: se encontrar uma fila muito grande, dirija-se aos outros portões de entrada, principalmente os da ponta esquerda, que costumam ficar vazios.

Outra dica preciosa: há uma entrada exclusiva para idosos e portadores de necessidades especiais. A fila costuma ser menor e cada idoso ou portador de necessidade especial pode ingressar com um acompanhante.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Depois de passar pelo controle na entrada, há uma área onde as patrocinadoras do evento possuem estandes com ações de marketing e venda de produtos. O da Budweiser, por exemplo, possui até DJ comandando a festa antes do jogo!

Copa do Mundo - Brasil 2014

Nesta área também há a loja de produtos oficiais da FIFA, caixas eletrônicos do Banco Itaú e um estande onde é possível adquirir um cartão pré-pago com a bandeira Visa, única que é aceita dentro do estádio. Para a compra do cartão, podem ser utilizado cartões de crédito e débito de qualquer bandeira, além de papel moeda.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Passada essa parte, basta se dirigir para o portão indicado no ingresso e atravessar as catracas. A partir daí não é mais permitido sair, a não ser para ir embora. Dentro do estádio também há lanchonetes e pontos de venda de bebidas. Os preços são os mesmos da área externa e, pelo menos na parte inferior do estádio, onde estive, as filas estavam bem tranquilas.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Depois do apito inicial do árbitro, a torcida deu um show à parte. Não faltou animação! O clima é de uma festa, com torcedores de seleções rivais convivendo juntos, sem brigas e com muita comemoração.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Ao final do jogo, tudo correu tranquilamente. A saída foi fácil e teve muita comemoração dos suíços!

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

Copa do Mundo - Brasil 2014

O retorno contou com o mesmo esquema de transporte da ida, mas o problema era a fila enorme para embarcar no circular dentro do Parque da Cidade.

Copa do Mundo - Brasil 2014

Como deixei para tirar fotos do estádio vazio, acabei sendo um dos últimos a sair de lá. Com isso, preferi voltar a pé para o carro – eu e várias famílias – e foi bem mais rápido, pois o estacionamento não era tão distante. Durante todo o percurso havia vários grupos de policiais fazendo ronda. Me senti bastante seguro.

Por fim, valeu muito a pena ter feito plantão na página da FIFA e ter participado de uma partida da Copa do Mundo. É uma experiência memorável e emocionante! Espero que quem ainda não foi, possa sentir a mesma energia positiva que teve no primeiro jogo aqui em Brasília.

Para quem ainda não tem hospedagem na cidade, vale a pena tentar novamente. Vários hotéis que estavam com suítes bloqueadas para a FIFA, já estão com disponibilidade, diante dos cancelamentos da última semana. Há disponibilidade e boas tarifas, dependendo do dia e do hotel.

Então, bom jogos a todos nós e boa sorte Brasil!!!

 

Quer participar, mas ainda não comprou ingresso? O pessoal do 360 Meridianos dá o serviço completo de como comprar o seu: www.360meridianos.com/2014/06/comprar-ingresso-para-copa-do-mundo.html

Quer ver a opinião e as dicas do Ricardo Freire sobre o mesmo jogo que assistimos? Veja o passo a passo partindo de Goiânia: www.viajenaviagem.com/2014/06/copa-brasilia-saindo-goiania/

Está procurando um compilado com posts de diversos blogueiros de Brasília sobre o que fazer na cidade? A RBBV fez e você acessa clicando: www.rbbv.com.br/2014/06/01/guiadeviagemparabrasilia/

 

Também estava no estádio e quer dar alguma dica ou contar a sua experiência? Utilize a caixa de comentários abaixo! :)

Já tem neve suficiente? Vou conseguir esquiar durante a minha viagem para o Chile? Todos os dias recebemos dezenas de perguntas sobre a temporada de esqui no Chile.

E a resposta é: siiiim!! A neve já está garantida!

Valle NevadoValle Nevado

Reprodução: Imagens do Valle Nevado tiradas nos últimos dias

Aliás, já tem tanta neve acumulada – mais de 1 metro de neve – que foi antecipado o início da temporada 2014. A abertura das pistas de esqui e snowboard estava inicialmente marcada para o dia 27 de junho, mas no último dia 13 de junho as pistas já foram abertas.

Então, pode se preparar. Se você já tem passagens para o Chile, o esqui e o snowboard estão garantidos!!

E, como é época de Copa do Mundo, dá para esquiar e acompanhar os jogos da Copa, pelo menos no Valle Nevado. Eles colocaram TVs espalhadas pelo complexo, com direito a programação e decoração especial, além de concursos, distribuição de brindes e animação no intervalo dos jogos.

A temporada 2014 de esqui no Chile promete!

Para quem pretende turistar em São Paulo, o bairro do Jardins é uma excelente opção, especialmente se for na região próxima à Rua Oscar Freire. Além das famosas lojas de grife, há várias opções charmosas de bares, restaurantes e cafeterias.

E é bem nesse miolinho badalado – mais precisamente na esquina da Rua Consolação com a Oscar Freire – onde fica o hotel Quality Suites Imperial Hall.

Quality Suites Imperisl Hall

Além disso, há várias opções interessantes para passeios a pé nas redondezas. Para quem prefere bike, as bicicletas do Bike Sampa ficam praticamente em frente ao hotel.

Quality Suites Imperial Hall

O hotel foi reformado recentemente e os quartos em estilo flat têm decoração moderna e ótimo espaço.

Quality Suites Imperial HallQuality Suites Imperial Hall

A cama é king size. A foto antiga de São Paulo na cabeceira da cama dá um toque todo especial ao ambiente.

Quality Suites Imperisl Hall

Para deixar o quarto bem funcional, há uma mesa de trabalho, cadeiras modernas e uma TV que vira tanto para a cama quanto para a mesa.

Quality Suites Imperial HallQuality Suites Imperisl Hall

Na copa há pia, microondas, chaleira e frigobar, além de bastante espaço para preparar um lanche rápido.

Quality Suites Imoerial HallQuality Suites Imperial Hall

Já o banheiro é bonito, funcional e moderno. Os amenizeis são da linha Natura Ekos.

Quality Suites Imperial HallQuality Suites Imperial Hall

No último andar do hotel, ficam a academia, a sauna e a piscina. A área é toda de blindex e a vista de São Paulo, com seus arranha-céus, é bem bonita. A piscina é bem convidativa. O único problema é que não é aquecida.

Quality Suites Imperial HallQuality Suites Imperial Hall

O café da manhã é servido no térreo, onde também funciona um restaurante de comida francesa. As opções são um pouco reduzidas, mas é tudo bem satisfatório.

Quality Suites Imperial HallQuality Suites Imperisl Hall

Enfim, a nossa estadia foi bastante agradável e a equipe do hotel muito atenciosa.

Pontos altos:

- Localização per-fei-ta, seja para quem viaja a São Paulo a turismo ou a trabalho. O hotel fica na esquina da Rua Consolação com a Oscar Freire. Dali é possível fazer vários passeios a pé ou utilizar o Bike Sampa que existe nas proximidades do hotel.

- Os quartos foram reformados recentemente e têm decor moderno e aconchegante. São espaçosos e têm copa com pia e microondas.

Pontos negativos:

- A academia é pequena e a piscina não é aquecida.

 

* O Nós no Mundo se hospedou no Quality Suites Imperial Hall a convite da rede Atlantica Hotels.