De carro pela Toscana: sem regras e sem roteiro

Estradas bucólicas, casarões de pedra, vinhedos, montanhas… quem nunca sonhou em viajar de carro pela Toscana que atire a primeira pedra.

De carro pela Toscana

Na Toscana (região central da Itália que abrange as províncias de Florença, Siena, Lucca, Arezzo e Pisa, dentre outras), o verde predomina: os campos de oliveiras, girassóis e os vinhedos estão por todos os lados. Nada de edifícios altíssimos, nem corre-corre da cidade grande. Parece que o tempo passa mais devagar. As pessoas por lá ainda gostam de ficar sentadas na praça e de apreciar um vinho e uma boa mesa na maior calmaria.

E foi com esse espírito que decidimos partir para o interior da Toscana. Alugamos um carro em Florença por 3 dias e partimos sem roteiro e sem pressa. Optamos por fugir das autopistas e seguimos por estradinhas quase cenográficas.

De carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela Toscana

Nosso primeiro destino foi a minúscula cidade de Sassofortino, na comuna de Roccastrada, província de Grosseto. Quando digo minúscula, não é eufemismo. A cidade tem apenas uma rua principal e menos de 1.000 habitantes. Foi lá onde montamos a nossa base para explorar a Toscana: a vinícola Valdonica. A vinícola, comandada por austríacos, é bem recente. Os vinhos começaram a ser produzidos em 2006. E o local oferece hospedagem de charme com quartos voltados para os vinhedos e muita degustação de vinhos. Mas isso é assunto para outro post…

De carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela Toscana

Fora isso, seguimos sem rumo pelas estradinhas da Toscana. Avistávamos uma cidadezinha charmosa da estrada e resolvíamos ir até lá para conhecer. No fim das contas, visitamos vários vilarejos, fizemos piqueniques pelo caminho, paramos muitas vezes no meio da estrada para fotografar o cenários e tomamos muito vinho.

De carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela Toscana

Falando em vinho, a parada na cidade de Montalcino, famosa pelo seu Brunello (vinho de aroma intenso e sabor marcante, produzido com uva Sangiovese) e considerada por muitos como a “meca do vinho italiano”, foi um dos auges do passeio.

A cidade possui ruínas de muralhas medievais e uma fortaleza de 1361 construída no ponto mais alto da cidade, além de muitas lojas de vinho e ruelas encantadoras.

De carro pela ToscanaDe carro pela ToscanaDe carro pela Toscana De carro pela Toscana

Depois de bons dias na tranquilidade do campo, foi difícil se acostumar com o trânsito de Roma, local onde devolvemos o veículo. Felizmente, o Coliseu estava lá imponente, para desviar a nossa atenção do engarrafamento…

De carro pela Toscana

 

 Dicas práticas para viajar pela Toscana

1 – Por mais tempo que você fique por lá, não é possível conhecer tudo. Então vá com calma. Faça deslocamentos curtos e aprecie tudo sem moderação (e sem pressa).

2 – Fuja das autopistas e siga pelas estradinhas menores. O trajeto, em geral, é mais longo, mas compensa pelo visual.

3 – GPS é fundamental!

4 – Hospede-se em uma vinícola ou um bed and breakfast. Fuja dos hotéis de rede ou dos grandes hotéis, justamente para curtir o clima provinciano da região.

 

Informações utéis

Para a locação do veículo é necessário apresentar: carteira de motorista do condutor (não foi necessário apresentar carteira de habilitação internacional) e cartão de crédito internacional em nome do condutor para bloqueio do depósito de segurança.

Fizemos a reserva do veículo pelo site http://br.autoeurope.com e gostamos bastante. Retiramos o carro na Europcar (Florence Downtown Office), localizada na Via Borgo Ognissanti, em Florença, a 5 minutos de caminhada da estação de trem Santa Maria Novella.

Alugamos um dos carros mais simples: um Fiat Panda de 4 portas, câmbio manual e ar condicionado. O valor ficou em €146,83 para todo o período, com seguro básico, GPS e taxa para devolução em cidade diferente (valor de set/2013).

De carro pela Toscana

A devolução foi em Roma, na estação de trem Roma Termini. Tivemos um pouco de dificuldade na hora da devolução, pois as lojas de locação de veículo ficam no interior da estação e é difícil encontrar vagas de estacionamento. Fora isso, não tivemos problema e gostamos do atendimento da Europcar.

 

 

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Comentários

  1. fofíssima
    4 novembro 2014

    Ai que delícia de viagem! A hospedagem nas vinículas são muito caras?!

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    4 nov, 2014

    Olá!
    Os preços das hospedagens nas vinícolas são bem variados. As maiores e mais famosas costumam ter preço salgado. Na Valdonica, entretanto, achamos os preços interessantes e o staff bem atencioso.
    Por lá, as diárias começam em 69 euros.
    Continue acompanhando o blog que em breve escrevo um post detalhado sobre essa nossa hospedagem! 🙂
    Bjs, Anna

    Responder

    fofíssima Respondeu:
    5 nov, 2014

    Legal Anna! Sempre acompanho o blog. 🙂

    Responder

  2. BARBARA MARIA
    4 novembro 2014

    Muito prazeroso ler esse texto, fotos lindíssimas…Despertou mais a minha vontade de rever a Toscana, cantinho fantástico e romântico. Tudo muito lindo. Quero viajar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    4 nov, 2014

    Oie!!!
    Adorei os elogios!! Ganhei o dia!!! 😀
    Bjs, Anna

    Responder

  3. 13 novembro 2014

    Oi, Anna. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Boia – Natalie

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    14 nov, 2014

    Olá Natalie!!
    Que maravilha!! Adoro participar do VnV!! 😀
    Bjs, Anna

    Responder

  4. 18 novembro 2014

    Olá!
    Obrigada pelo elogio!! 😀
    BJs, Anna

    Responder

  5. lais
    7 abril 2015

    Olá…estou indo fazer essa mesma viagem e estou muito na duvida em relação a alugar o carro. Franquia e etc? Foi tranquilo com vc?

    Responder

  6. 14 abril 2015

    Olá Lais!
    Conosco foi tudo bem tranquilo.
    Não tivemos nenhum problema. E a tarifa foi exatamente aquele que contratamos no site da locadora via internet.
    Bjs, Anna

    Responder

  7. Lucimara
    21 maio 2015

    Adorei o post, estou programando um viagem pra Toscana, e fiquei encantado com tudo que você postou. Vou tentar fazer o mesmo roteiro. Amei.

    Responder

    Diego Paiva
    Diego Paiva Respondeu:
    22 maio, 2015

    Olá, Lucimara!

    Obrigado pelos elogios! Ficaremos na torcida para que faça o nosso roteiro. A região é sensacional e a viagem inesquecível!!! 🙂

    Beijos!

    Responder

  8. Adriana
    20 julho 2015

    Ola, muito legal o seu post! Estamos indo em agosto, e não sei como fazer o roteiro. Se puder ajudar, agradeco! Estaremos em Veneza e dai iremos ate Roma. No caminho, a ideia é passar por Cinque Terre, Firenze (indo a Lucca e Pisa) e Siena (para conhecer Volterra, San Gimignano, Val Dorcia, Cortona, Arezzo, Assis). O que acha? Obrigada!

    Responder

  9. 27 julho 2015

    Olá Adriana!
    Seu roteiro parece bem legal!
    Minha dica é fazer uma viagem em esquema slow travel. As cidadezinhas italianas são charmosas e encantadoras, seja em Cique Terre ou na Toscana. Por isso, recomendo que vc fique o máximo que puder em cada uma delas. 🙂
    Bjs, Anna

    Responder

  10. Marcella
    15 agosto 2015

    Ola!
    Parabens pelo post.
    Vou para italia na semana que vem e tenho apenas dois dias de carro de Florença ate Roma (fora esses dois dias já separei um dia e meio para Lucca, Pisa e Florença). Queremos aproveitar ao maximo mas nao sabemos se é melhor escolher apenas um lugar para ficar os dois dias no meio do percurso, ou fazer varias paradas nas cidadezinhas principais (San Gimignano, Região de Chianti, Siena, Moltalcino, Montepulciano, Orvieto, etc). Sendo que nosso maior interesse é passar pelas lindas estradas e degustar bons vinhos. O que sugerem?

    Responder

  11. mari vidigal
    16 agosto 2015

    ADOREEEEI as dicas! Acho que assim como vocês teremos três dias sem pressa! ANIMADA!
    Beijos

    Responder

  12. Christina
    8 janeiro 2017

    Ola!
    Adorei!
    Vocês ficavam hospedados em apenas 1 cidade e voltavam todo dia ou se hospedaram em cada lugar diferente?
    Obrigada

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    22 jan, 2017

    Olá Christina!
    Ficamos hospedados em apenas uma cidade. De lá fizemos bate volta para os demais lugares que visitamos.
    Beijos, Anna

    Responder

Pingbacks & Trackbacks & Tweetbacks

Links da Semana #11 | Andar Comigo

[…] De carro pela Toscana: Sem regras e sem roteiro. Ta aí uma viagem que sonho pra minha lua de mel. Ou pra qualquer outra ocasião disponível […]

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.