The Peak: a melhor vista de Hong Kong

Não é à toa que o The Peak – a maior montanha de Hong Kong – é a atração mais visitada na cidade. A vista é especular, estonteante, maravilhosa e todos os demais adjetivos semelhantes.

The Peak

Para chegar até lá, a melhor forma é pegar o The Peak Tram, um funicular que sai da rua Garden Road, nas proximidades do metrô Central. Veja aqui como chegar até o Peak Tram Lower Terminus.

The Peak Tram

A dica é chegar cedo para evitar filas, de preferência até às 10h da manhã. Chegamos nesse horário e estava bem tranquilo. Sem fila alguma.

The Peak The Peak

Em compensação, quando fomos embora…

The Peak The Peak

Os trens partem a cada 10 minutos e o ingressos são comprados ali mesmo. O ticket de ida e volta custa HGD 40 (cerca de R$ 9) para adultos e HGD 18 (cerca de R$ 4) para criança até 11 anos e maiores de 65 anos. O cartão do metrô – Octopus Card – também pode ser utilizado para comprar o ingresso do funicular.

Recomendo adquirir o Peak Tram Sky Pass (HGD 65 para adultos – cerca de R$ 15). Esse ticket inclui, além do ingresso ao funicular, o acesso ao Sky Terrace 428, o observatório mais alto do The Peak, com vista panorâmica de 360º.

Uma vez no The Peak Tram, sente-se do lado direito na hora da subida e do esquerdo na descida, são os melhores lugares. E prepare a câmera fotográfica!

The Peak Tram

Ao desembarcar do funicular, você já estará na Peak Tower, um edifício moderno, quase todo revestido em vidro, que abriga várias lojas, restaurantes, além do museu de cera Madame Tussauds e o Sky Terrace 428.

The Peak

O Sky Terrace 428 é, sem dúvida, o grande destaque. Fica a 428 metros acima do nível do mar e tem uma ampla área panorâmica.

The Peak

A vista é de tirar o fôlego, mesmo com a neblina constante!

The PeakThe PeakThe PeakThe PeakThe Peak

Depois de muitas fotografias, não deixe de caminhar pela base da Peak Tower e quem sabe fazer uma trilha em meio à mata. São 4 rotas com duração de 10 minutos a 1 hora, todas bem sinalizadas.

Para quem preferir fazer umas comprinhas, fica a dica: adorei as gravuras de um pintor que estava expondo por ali de forma meio improvisada. Não deixe de pechinchar. O preço quase cai pela metade depois da negociação.

The Peak

Se optar por não subir ao Sky Terrace 428, saiba que a vista da base da Peak Tower já vale o passeio.

The Peak

Na parte superior da foto, o Sky Terrace 428. Na parte inferior, os observatórios na base da Peak Tower

The Peak

Vista de um dos mirantes na base da Peak Tower

Na hora da fome, há várias opções de restaurantes e lanchonetes, com ou sem vista. Veja os detalhes aqui.

The Peak

O passeio é ótimo! Um must para os turistas que visitam Hong Kong pela primeira vez.

Se puder, vá de manhã, ao entardecer e à noite. Se o tempo for curto e tiver que escolher, a minha sugestão é ir ao The Peak no início da manhã e deixar para ir à noite ao Sky 100, o observatório localizado no 100º andar do ICC Tower, o 4º prédio mais alto do mundo, que costuma ser um pouco mais vazio.

Funcionamento: O The Peak Tram funciona diariamente de 7h a meia-noite. O Sky Terrace 428 e a Peak Tower funcionam de segunda a sexta de 10h às 23h, e sábados, domingos e feriados de 8h às 23h.

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.