Tudo o que você precisa saber antes de ir a Singapura

IMG_7248(1)-01

Singapura ou Cingapura?

Aprender o nome do lugar que se pretende visitar é a regra número um. Singapura ou Cingapura? Você escolhe. Ambos estão corretos.

Nos sites brasileiros de representação em Singapura, tudo está grafado com a letra “C” – Embaixada do Brasil em CingapuraMinistério das Relações Exteriores. Particularmente, prefiro a grafia com “S”, por guardar semelhança com os nomes em inglês (Singapore), francês (Singapour) e outras línguas.

País, Cidade ou Estado

Singapura é uma cidade-Estado. Apesar de ter cerca de 5 milhões de habitantes, é o menor país do Sudeste Asiático.

Aula de geografia: onde fica Singapura?

O país fica no extremo sul da Península da Malásia. Próximo ao Camboja, Vietnã, Indonésia, Filipinas… Ainda tá perdido? Dê uma olhadinha no mapa.


View larger map

Algumas curiosidades: Singapura é o país mais moderno da linha do Equador e seu porto é um dos mais movimentados do mundo. A cultura por lá é bem diversificada. É uma fusão de raças, religiões e línguas. Há grande concentração de chineses, malaios e indianos.

Fuso horário

A distância entre Brasil e Singapura é longa. Um voo partindo da Europa ou da África do Sul tem duração média de 12 horas.

O fuso horário também é bravo. São 11 horas a mais. O jet lag é inevitável, tanto na ida como na volta.

Visto e Vacinas

Para permanecer até 30 dias em Singapura não é necessário visto. Contudo, exige-se passaporte com validade mínima de 6 meses e vacina de febre amarela. Veja mais detalhes aqui.

A vacina contra febre amarela deve ser tomada, no mínimo, dez dias antes da viagem e é necessária a apresentação do Certificado Internacional de Vacinação. Como fazer? Tome a vacina nos postos de vacinação, faça o cadastro no site da ANVISA para evitar filas e depois procure os Centros de Orientação aos Viajantes (endereços aqui), levando o cartão de vacinação e documento de identidade. O Certificado Internacional de Vacinação é emitido na hora.

Clima

O país se encontra bem próximo à linha do Equador e, por isso, o clima é quente e úmido. Aliás, muito quente e muito úmido. Basta uma curta caminhada pelas ruas para já ficar encharcado de suor. Felizmente, ar condicionado espalhado por todos os lugares é o que não falta. Esse detalhe, inclusive, rendeu a Singapura o apelido de Ilha do Ar Condicionado.

Leve roupas frescas e um guarda-chuva. Observe também a época das monções para evitar chuvas em excesso.

Idioma: já ouviu falar em singlish?

Devido à diversidade cultural do país, existem 4 línguas oficiais, entre elas mandarim, inglês e malaio. Quase todas as pessoas falam mais de uma língua.

O inglês é a língua universal entre os turistas. Todos com quem conversamos falavam inglês. É verdade que muitas vezes era um inglês com sotaque bem carregado. Eles costumam se referir a essa linguagem mais informal como “singlish”, que seria o Singapore English (inglês de Singapura), fortemente influenciado pelo cantonês.

Moeda

A moeda de Singapura é o Dólar de Singapura (SGD).

Existem diversas casas de câmbio espalhadas pela cidade e é bem fácil conseguir trocar dólar americano e euro.

No mês de outubro/2011, a cotação do Real estava, em média, 0,70 Dólares de Singapura. Já 1 Dolár americano valia 1,31 Dólares de Singapura. Vejam as fotos abaixo das tabelas de câmbio:

Aeroporto de Singapura Câmbio Singapura

Preços

Apesar da grande quantidade de lojas internacionalmente famosas, os produtos que pesquisamos tinham preços superiores aos dos EUA e Europa.

Os gastos com alimentação variam muito. Comer dim sum no excelente Dim Tai Fung sai por volta de SGD 18 por pessoa, cerca de R$25. Uma pizza no Mozza, do Chef Mario Batali, custa em torno de SGD 28, cerca de R$40. Um refrigerante custa entre SGD 3 e 4, ou seja, por volta de R$ 4 e 6.

O imposto sobre alcool em Singapura é bem alto. Por isso, o preço das bebidas é bem elevado. Drinks alcoolicos custam em média SGD 15 a 18, cerca de R$ 25. A cerveja long neck pode variar de SGD 8 a 16 (R$ 11 a R$22), a depender do lugar. Imagine então uma simples taça de espumante passar de R$40…

Gorjeta

Segundo o Singaporte Tourism Board, não é comum dar gorjeta em Singapura, já que a maioria dos hotéis e restaurantes já inclui na cota a taxa de serviço de 10%.

Onde se hospedar

Não faltam boas opções de hospedagem em Singapura. Para curtir momentos inesquecíveis, não hesite em escolher o Hotel Marina Bay Sands, com sua piscina de borda infinita localizada no 57º andar.

Leia nossos relatos nos posts: Hotel Marina Bay Sands: the good life – parte I e parte II.

Outras opções que também parecem interessantes são os hotéis próximos à Baía de Singapura, como o The Fullerton Bay Hotel, e os hotéis próximo à Ochard Road, uma rua com infinidade de lojas e shoppings.

No aeroporto de Singapura

No aeroporto Changi em Singapura são inúmeras as opções de compras, restaurantes e entretenimento. Não é à toa que o aeroporto está sempre cotado entre os melhores do mundo. Leia mais detalhes no post Partidas e Chegadas – Aeroporto de Singapura.

Ao chegar, procure o stand Singapore Visitors Center, próximo ao desembarque. Ali é possível se informar sobre os eventos que acontecem na cidade e também pegar folhetos com dicas da cidade e descontos para atrações principais, como a Singapore Flyer.

Muitos hotéis oferecem transfer do aeroporto. Se não for o caso, opte entre o metrô, táxi, shuttle ou ônibus. O Maurício e o Oscar do blog Mauoscar, que têm ótimas dicas de Singapura, recomendam fazer o trajeto de táxi e indicam seguir pela rota ECP (East Coast Park Expressway), ao invés da rota P.I.E (Pan Island Expressway), por ser o primeiro caminho mais bonito. O custo do táxi deve ficar em torno de SGD 20 a 30, para um trajeto até a Orchard Road.

Como se locomover

Como Singapura é uma cidade muito organizada, a locomoção é fácil e o transporte é eficiente e rápido. Metrô, táxi, ônibus ou trens: fica a sua escolha.

Dizem que o metrô é excelente, mas acabamos optando por fazer caminhadas e, ocasionalmente, utilizávamos táxi.

Embora existam alguns poucos carros velhos, a maioria dos táxis são novos. Muitos Mercedes, inclusive. O preço é razoável. Em geral, as corridas ficam menos de SGD 10 (pouco menos de R$ 15). Somente pagamos mais caro nos dias em que fomos a Sentosa e ao Night Safari, por conta da longa distância.

Se optar pelo transporte público, considere comprar o Singapore Tourist Pass, um passe que dá direito à utilização ilimitada de ônibus e trens por um, dois ou três dias. O custo é de SGD 8, 16 e 24, de acordo com a quantidade de dias. Há um custo adicional de SGD 10, reembolsável após a devolução do cartão.

Principais atrações

  • Singapore Flyer – Maior roda gigante do mundo
  • Sands SkyPark – Observatório localizado no 57º andar do Hotel Marina Bay Sands
  • Ochard Road – movimentada rua comercial com diversos shoppings
  • Little India – Bairro indiano de Singapura
  • Chinatown – Bairro chinês de Singapura
  • Singapore Botanic Garden – Jardim Botânico de Singapura. Destaque para o jardim de orquídeas (National Orchid Garden).
  • Night Safari – Safari feito à noite, de trenzinho ou a pé.
  • Jurong Bird Park – Maior parque de aves do mundo.
  • Singapore Zoo – Zoológico de Singapura
  • Sentosa – Local onde se encontra o parque da Universal Studios. Por lá também há praias para banhistas.
  • Arab Street – Bairro árabe de Singapura onde é possível visitar a mesquita – Sultan Mosque.
  • National Museum of Singapore – Museu que traz no seu acervo informações sobre a história de Singapura.
  • ArtScience Museum – Museu em forma de flor de lótus próximo à Baía de Singapura.
  • Fountain of Weath – a maior fonte do mundo. Fica em frente ao Shopping Suntec City.
  • Singapore River Cruise – Passeio de barco pelo rio.

Asia for beginners

Singapura é muitas vezes referidas como Ásia para principiantes. É fácil compreender o motivo. Quase todos falam inglês, o transporte é farto, a cidade é segura, tudo é muito organizado, a comida atende aos diversos gostos e os prédios modernos lembram as grandes metrópoles ocidentais.

A vantagem é ser uma ótima opção para começar uma viagem pela Ásia. A desvantagem? A cidade é tão limpa, tão arborizada, tão organizada… enfim, tão perfeita que até parece um pouco artificial.

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.