Bares para agitar em Buenos Aires

Em Buenos Aires, e especialmente em Palermo Soho, não faltam bares e restaurantes com música animada, decoração sofisticada e drinks diferentes.

O Mott (El Salvador 4685, esquina com Armenia) é, certamente, um deles. O espaço de pé direito alto com muitos sofás e um enorme bar é uma graça.

MottMottMott Mott

Os drinks são bem variados e parece que as comidinhas são bem interessantes.

Para um café da manhã ou para um lounge pré balada, a dica é o Bar 6 (Armenia 1676, entre as Calles El Salvador e Honduras). Os quadros coloridas e as cadeiras retrô de veludo colorido conferem um clima super especial ao lugar.

Bar 6Bar 6 Bar 6 Bar 6

No café da manhã, servido de 8h às 12h, o desayuno porteño, que inclui suco, café com leite ou chá, tostadas e croissant de presunto e queijo, sai por $30 pesos, cerca de R$ 11.

Bar 6

Há também a opção de uma refeição mais leve: iogurte com cereais, salada de frutas e café ou chá, pelo menos valor.

Para quem gosta de pular de bar em bar, no cruzamento entre as ruas Armenia e Costa Rica não faltarão opções. Ali há vários bares, sem falar no Mott e no Bar 6, que ficam bem próximos.

O Limbo (Armenia 1820) e o Club Limbo (Costa Rica 4588) são super charmosos.

Buenos AiresLimbo

O Mama Racha (Costa Rica 4602), que fica bem na esquina, é outra boa opção.

Mama Racha

No Moranda Soho (Armenia 1784) sentamos em uma mesa na calçada, embaixo da árvore, em um local super agradável. Ainda aproveitamos uma promoção de garrafa de espumante e dois energéticos por $50 pesos, cerca de R$20. As empanadas de lá também estavam ótimas.

O Tazz Soho (Armenia 1744) não falta nem a mesa de sinuca.

Se a busca for por sofisticação, o Isabel (Uriarte, 1664) é a escolha certeira. O lugar não tem identificação na entrada, mas a porta dourada, ao lado do restaurante Casa Cruz, é inconfundível. Lá dentro o clima é meio retrô, mas o teto com inspiração no museu  Whitney Museum of American Art de Nova York, com luzes que mudam de cor conforme a música, dá o toque de modernidade.

Isabel

Isabel

Pode parecer estranho, mas não deixe de conhecer o banheiro. Os vários espelhos por todos os lados e paredes criam uma sensação única. Foi até difícil encontrar a saída…

O detalhe talvez um pouco inconveniente é que no bar circula uma espécie de moeda própria, a isabelina, que custa $20 pesos cada. Logo no balcão da entrada você já tem que comprar as isabelinas para gastar no bar.

Aceitamos as sugestões do maitrê e escolhemos drinks super inusitados. A apresentação estava linda e o gosto idem! Pena que não anotei o nome… Também pedimos uma entrada de queijos com torradas que estava divina. O total da conta para duas pessoas: $120 pesos, menos de R$ 50.

Isabel

Lembre-se que a vida noturna em Buenos Aires começa sempre tarde. Por isso, não faça como nós que chegamos ao Isabel poucos antes de 21h. Tivemos que esperar o lugar abrir… A recepcionista me disse que o auge da casa é por volta de 2 ou 3 horas da madruga.

Para terminar as indicações, o Gran Bar Danzon, o único da lista que não fica no Palermo Soho, e sim no Centro, mais precisamente na Libertad, 1161. Não estranhe a portinha discreta, e suba as escadas sem medo. O lugar é lindo e sofisticado na medida certa. Os rótulos de vinhos são os mais diversificados possíveis e a comida estava excelente!

Buenos Aires Gran Bar Danzon

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Comentários

  1. Tiago
    13 outubro 2011

    Anna, na última vez em que eu fui a Buenos Aires, agora em maio, eu fiquei ao lado do Bar Isabel mas não sabia o que tinha por detrás daquelas portas — inicialmente achei que era um prolongamento do restaurante Casa Cruz, mas via tanta gente entrando lá já tarde da noite que comecei a desconfiar que era algo diferente. Mas ficamos com vergonha de ir até a porta e perguntar, apesar da curiosidade. Só no último dia é que, fuçando na internet, descobri que se tratava de um bar, e que era bem recomendado, mas já não deu mais para ir. Já no Gran Bar Danzón eu fui duas vezes, adoro!

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    13 out, 2011

    Oi Tiago!!
    Que pena que vc não entrou no Isabel…. O lugar é bem legal e tem uns drinks sofisticados.
    Dizem que por volta de 1 da manhã fica super lotado!!
    Tb adorei o clima do Gran Bar Darzón!
    Bjs, Anna

    Responder

  2. Crys
    1 janeiro 2012

    Vou na seman que veem a Buenos Aires e vou dar uma passadinha nas indicações.

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    2 jan, 2012

    Depois volte para contar o que achou!
    Aproveite muito!! Boa viagem!!!

    Responder

  3. Rosana
    1 outubro 2017

    Olá faltou um na lista que super indico: o 878 na calle Thame! Bjs

    Responder

Pingbacks & Trackbacks & Tweetbacks

Vida Noturna em Buenos Aires | Bares, Baladas e os Bairros para Sair

[…] Bares para agitar em Buenos Aires !!! […]

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.