Uma tarde em Colonia del Sacramento

Foram apenas 4 horas na cidade de Colonia del Sacramento. O suficiente, contudo, para me apaixonar pelo local.

Devido a uma falha – ou melhor, ausência de planejamento – demoramos mais do que imaginamos para seguir de carro de Punta del Este até Colonia del Sacramento. Supus (sabe-se lá por que) que a distância entre as duas cidades era de 2:30 a 3 horas de carro. Estava errada…

Cinco horas e três pedágios depois (cada um no valor de $50 pesos, cerca de R$ 4,82), chegamos em Colonia. O relógio já marcava 15h. Às 19:30 deveríamos estar no Terminal Puerto Colonia para pegar o buquebus com destino a Buenos Aires e, nesse meio tempo, ainda tínhamos que devolver o carro alugado. Por óbvio, o tempo foi insuficiente; mas, ainda assim, aproveitamos muito.

A cidade tem nítida herança portuguesa. Ruas de pedras, casas baixas e coloridas, igrejas e muralhas. Por conta do rio da Prata, a cidade foi alvo de grandes disputadas entre as coroas de Portugal e Espanha, que tentavam controlar o comércio e o poder na região. Mas a influência espanhola também está presente, como se vê, por exemplo, na Praça de Touros, onde eram realizadas touradas.

Para se orientar na cidade e descobrir os pontos turísticos, a dica é ir à Intendencia Municipal (Avenida Gral Flores com Calle Alberto Mendez) ou ao Centro de Informações turísticas no Centro (Calle Angel Odriozola com Ituzaingo). Se preferir seguir sem rumo pelo centro, garanto que também não irá se arrepender.

Optamos por começar com as atrações mais distantes e depois visitar o centro histórico. Seguimos de carro pela Avenida Costanera até a Plaza de Toros, que fica a uns 3 km do centro histórico. Confesso que fiquei decepcionada.

Colonia del Sacramento

Não se pode entrar na Praça de Touros, porque corre risco de desabar, e não havia nenhuma explicação sobre o lugar do lado de fora. Hoje, ao pesquisar na internet, vi que esta é a única praça de touros do estilo mourisco espanhol no Uruguai, tendo sido inaugurada em 1910. Ali foram realizadas algumas poucas touradas, pois logo depois o governo proibiu esses eventos no país.

Passamos também em frente ao Frontón Real de San Carlos, mas, como não havia informações sobre o local, achamos melhor voltar para o centro. No caminho de volta paramos num dos vários mirantes da Avenida Costanera, em frente à Playa Oreja de Negro, com vista para o Rio de Prata. Foi a melhor parte do passeio até a Plaza de Toros.

Colonia del SacramentoColonia del Sacramento

De volta ao centro de Colonia, abandonamos o carro em um das ruas e seguimos sem rumo pelas ruelas da cidade declarada patrimônio histórico pela Unesco. Tudo me pareceu encantador! Por isso, recomendo concentrar o tempo ali.

A Calle dos Suspiros, a rua mais antiga da cidade, é super charmosa. Todas as ruelas preservam a iluminação antiga e suas fachadas coloridas.

Colonia del Sacramento

Colonia del SacramentoColonia del SacramentoColonia del Sacramento

Os carros antigos estacionados pelo bairro histórico reforçam o clima retrô da cidade. Alguns até foram transformados em carros-jardim.

Colonia del Sacramento

Colonia del Sacramento

Os resquícios da muralha e o Portón de Campo, antiga entrada principal da cidade, relembram o período de guerras e conquistas que viveu a cidade.

Colonia del Sacramento

A Plaza Mayor tem lindas árvores e convidativos bares ao ar livre.

Colonia del SacramentoColonia del Sacramento

Em uma das extremidades da praça ficam as ruínas do Convento de São Francisco e o farol. Dizem que a vista do alto do farol é maravilhosa, já que permite contemplar toda a cidade. Infelizmente não tivemos tempo de subir os mais de 100 degraus…

Colonia del Sacramento

As caminhadas guiadas pelo centro histórico, que ocorrem diariamente às 11 e 15h, ao custo de $100 pesos por pessoa, me pareceram uma ótima forma de conhecer a história do cidade. As saídas são do Centro de Informação Turística do Bairro e têm duração de 1 horas (contato através do email asociacionguiascolonia@gmail.com ou pelo site http://asociacionguiascolonia.blogspot.com).

Colonia del Sacramento

Para quem prefere visitar museus, lá há também algumas opções. Veja aqui a lista.

Toda a visita pelo bairro histórico pode ser feita tranquilamente caminhando. Mas, se preferir alugar um carro, a dica é alugar um carrinho de golf. É super comum vê-los circulando pelas ruas! O aluguel gira em torno de USD 50 e pode ser facilmente encontrado em qualquer locadora de veículos da cidade, como a Puntacar e a Moto Rent.

Colonia del Sacramento

Terminamos o passeio assistindo ao pôr do sol, com um chá no excelente Lentas Maravillas (Santa Rita 61, tel 598 452 20636).

Colonia del SacramentoColonia del Sacramento

Embarquei no buquebus para Buenos Aires com vontade de ter passado a noite em Colonia para aproveitar um pouquinho mais da cidade.

Para mais informações sobre Colonia del Sacramento, consulte coloniasacramento.org, www.coloniaturismo.com e www.coloniauy.com

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.