Esportes radicais em Mendoza

Esportes radicais? Em Mendoza tem!

Se engana quem pensa que as atividades em Mendoza se limitam a degustações de malbec, torrontés ou espumantes. Por mais paradoxal que seja, Mendoza é o lugar ideal para apreciar lentamente uma boa taça de vinho e descansar à sombra dos parreirais, como também para praticar esportes radicais.

Rafting em Mendoza
Foto: Arquivo pessoal

Rafting, caiaque, mountain bike, tirolesa, cavalgadas, rapel, trilhas, escalada… o menu de atividades é extenso. Todas ótimas opções para quebrar a rotina de degustações e visitas às bodegas todos os dias.

Em geral, são realizadas nas proximidades do Lago Potrerillos, a 60km de Mendoza, seguindo pela Ruta 7, a mesma que leva até o Parque Provincial Aconcagua (Passeio Alta Montaña).

A paisagem não poderia ser mais bonita. Paredões de montanhas ocre contrastam com as águas barrentas do rio Mendoza e a imensidão azul do Lago Potrerillos, um lago artificial formado pelo Dique Potrerillos no rio Mendoza.

Rafting em MendozaRafting em MendozaRafting em MendozaLago Potrerillos

Fotos: Arquivo pessoal

Uma das empresas que organiza as atividades radicais é a Argentina Rafting, localizada na Ruta Perilago. O local é bem organizado. Tem restaurante e mesas com vistas privilegiadas para aqueles que só pretendem observar os aventureiros.

Rafting em MendozaRafting em Mendoza Rafting em Mendoza Rafting em Mendoza

Fotos: Arquivo pessoal

O rafting é um dos esportes mais procurados. Há opções de passeios com duração de 1h15, 4 horas e – para quem for realmente radical – uma excursão de dois dias de rafting, com direito a descer as corredeiras sob a luz da lua. O preços se iniciam em $ 145 pesos argentino, cerca de R$ 55.

Rafting em MendozaRafting em MendozaRafting em Mendoza Rafting em Mendoza

Fotos: Arquivo pessoal

Há também a opção de passeios combinados, como rafting e tirolesa (canopy) no mesmo dia. O valor é de USD 73, já incluído o almoço.

Imagino que rapel ($105 pesos para passeio de 3h) e cavalgada ($165 pesos para passeio de 2h30) também sejam ótimas opções.

Mas para quem quer ir ao extremo, escalada (rock climbing) e parapente ($350 pesos) são as indicações. Para o parapente, vale a pena ver o site Mendoza Parapente.

Outras empresas que organizam tours radicais (ou nem tanto) em Mendoza são a  Kahuak, Andes VerticalTrekking Travel.

Lembre-se de observar os equipamentos de segurança, a certificação da empresa e os conhecimentos técnicos do guia antes de fechar o passeio. E não se aventure nos esportes de radicais sem ter um seguro de saúde com boa cobertura. O risco de acidente é quase inerente à prática desses esportes.

Por fim, a última, e talvez mais importante dica, agende o passeio com antecedência. Não faça como nós que chegamos ao local de saída do rafting sem qualquer agendamento prévio, imaginando que era só chegar e descer as corredeiras. Há horários específicos que, em geral, variam de acordo com o grau de dificuldade da atividade. Há também exigência de número mínimo de pessoas por grupo, a depender da atividade. Conclusão: nos restou sentar nas cadeiras em frente ao rio e morrer de inveja das pessoas que estavam nos botes, prestes a iniciar o rafting…

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.