Miami Design District: sinônimo de arte, design, moda e boa gastronomia

Localizado a poucas quadras do centro, o Miami Design District reúne galerias de arte, decoração, lojas conceito de estilistas renomados, além de bares e restaurantes. É uma excelente opção para fugir do tradicional roteiro de compras e praias em Miami.

Por ali nada de prédios gigantescos e suntuosos, como há em Downtown Miami. Os prédios baixos e antigos são herança do tempo em que o bairro era uma região desvalorizada e sem grandes atrativos. Mas hoje a simplicidade para por aí.

Miami Design District

Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal

O bairro está em alta e atrai uma clientela antenada e sofisticada que não está necessariamente interessada em “redecorar a casa”. Moda, entretenimento e gastronomia são outros (grandes) sucessos do bairro.

Os sofisticados sapatos de solas vermelhas do francês Christian Louboutin e as roupas moderninhas da Y – 3, a loja conceitual da Adidas assinada pelo japonês Yohji Yamamoto, por exemplo, dividem espaço com galerias de arte.

Miami Design District

Miami Design District

Miami Design District Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal. Os coloridos tênis da Y – 3 e o interior da loja.

Miami Design District Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal. Uma das várias galerias espalhadas pelo bairro.

Outras lojas valorizam tanto o design que fica até difícil saber se se trata ou não de uma galeria. Esse é o caso da United Nude, com seus criativos sapatos design.

Miami Design District - United NudeMiami Design District Miami Design District

Foto 1: Reprodução. Fotos 2 e 3: Arquivo pessoal

O potencial do bairro é tanto que a grife francesa Louis Vuitton já estuda abrir uma loja no local.

Para quem busca entretenimento, o Museu De la Cruz Collection é a indicação. Aberto desde 2009 no Design District, foi criado pelo casal Rosa e Carlos de la Cruz para mostrar sua coleção pessoal de arte contemporânea internacional. Dizem que é enorme… Uma pena que não pudemos visitá-lo, pois fecha aos domingos e segundas.

De la Cruz Collection De la Cruz Collection

Fotos: Reprodução. www.miamidesigndistrict.net

Para quem realmente deseja “redecorar a casa”, e não tem problemas com o saldo no banco, o lugar é a Fendi Casa e Kenzo Maison.

Miami Design District

Foto: Arquivo pessoal

É curioso observar como o logo da Fendi aparece em todos os lugares: nos tapetes, nas tolhas, na roupa de cama, nas almofadas, no porta copos e até nos móveis! Mais ostentação, impossível! Vale a visita, ainda que você não tenha a pretensão de comprar nada.

Miami Design DistrictMiami Design District Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal

Agora se o objetivo for comprar alguma lembrancinha a preços mais acessíveis, a dica é a Marimekko. Me lembrou um pouco a loja brasileira Imaginarum, mas com mais itens para casa e cozinha. Tudo lá é lindo! Nem preciso dizer que dá vontade de comprar a loja inteira…

Miami Design DistrictMiami Design District Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal

Não resisti e acabei comprando uma linda tábua de cozinha da Joseph Joseph que pode ser utilizada na preparação e para servir alimentos (USD 28). O melhor de tudo que ela não quebra (lifetime guarantee against breakage) e é resistente ao calor.

Depois de tantos passeios e compras, é hora de testar a boa gastronomia. Se for hora do almoço, os restaurantes ficam disputadíssimos, com fila na entrada. Sem reserva, impossível! Por isso, é bom se programar com antecedência e fazer a reserva pelo site Open Table.

Os restaurantes mais disputados são o Sra. Martinez, da Chef Michelle Bernstein, famoso pelas tapas espanholas, o Michael’s Genuine Food,  cuja filosofia é servir os melhores ingredientes locais, criando uma cozinha fresh, simple, pure, e o Fratelli Lyon, que um restaurante italiano ecofriendly conectado à loja de design Driade, onde todos o mobiliários, luzes e iluminação pertence ao acervo da Driade, e podem ser adquiridos pelos clientes. Escolhemos o Michael’s Genuine Food e adoramos! Mas isso é história para outro post…

Miami Design District

Miami Design District Miami Design District

Foto1: Sra. Martinez. Foto 2: Delicisosa pizza de cogumelos do Michael’s Genuine Food. Foto3: Bar do Fratelli Lyon.

Para simplesmente tomar um drink, vá ao Maitardi, que tem charmosos sofás embaixo da árvore.

Miami Design District Miami Design District

Fotos: Arquivo pessoal

Uma última dica é consultar a página oficial do Design District, para verificar os eventos que estão acontecendo por lá. Todos os sábados de meio dia às 6pm acontece o mercado Launch Miami Market, na esquina da avenida NE 1st Ct e rua NE 39th. Já todo segundo sábado do mês ocorre o Art + Design Night (Gallery Walk), um evento que reúne vários artistas e as galerias ficam abertas até mais tarde. No mês de dezembro ocorre o Art Basel Miami, um mega evento cultural, que acontece simultaneamente em diversos pontos da cidade, e abrange atividades culturais, exposições e festas. Em 2011, será de 1º a 4 de dezembro.

O acesso até o Design District é fácil e o mapa com as indicações das direções pode ser visto aqui. A área onde estão concentradas as lojas e galerias de arte é relativamente pequena e compreende basicamente as ruas NE 36th Street a NE 42nd Street, entre as avenidas NE 2nd e Miami Avenue (vide mapa). O burburinho fica na NE 40th Street entre as avenidas NE 1st e NE 2nd Avenue. Toda a região pode ser percorrida facilmente à pé.

 

Christian Louboutin: 155 NE 40th Street, Miami, 33137
Y – 3: 150 NE 40th Street
United Nude: 161 NE 40th Street
Fendi Casa: 90 NE 39th Street
Sra. Martinez: 4000 NE 2nd Avenue
Michel’s Genuine Food: 130 NE 40th Street
Fratelli Lyon: 4141 NE 2nd Avenue
Maitardi: 163 NE 39 Street
De la Cruz Collection: 23 NE 41st Street. A entrada gratuita. Funcionamento: terça a sábado de 10am a 4pm.

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Comentários

  1. 24 maio 2012

    No Design District também adoro os restaurantes Sugar Cane
    http://escapismogenuino.com.br/2012/01/tapas-e-dr

    e o Mandolin

    http://escapismogenuino.com.br/2010/09/restaurant

    ótimas dicas!

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    24 maio, 2012

    Oie Adriana!!!
    Obrigada pelas dicas!!!
    Esses eu ainda não conheço…. Devidamente anotado para visitar na próxima viagem!!! 😉
    Bjs, Anna

    Responder

  2. Edio silva
    8 junho 2012

    Gostaria de conhecer este local, na minha proxima viagem. Poderia especificar melhor Onde fica, este local Design District?

    Edio silva – edi.silva55@gmail.com

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    10 jun, 2012

    Olá!
    Dê uma olhada nesse mapa para ver como chegar ao Design District: http://www.miamidesigndistrict.net/pdf/MDDLocator
    Bjs, Anna

    Responder

  3. Paula
    8 outubro 2012

    Olá Gosto muito do seu site!! e estou empolgadíssima com minha viagem em Novembro.

    Mas uma coisa que me preocupo muitooo em Miami: Onde estacionar o carro (mais seguro e bem localizado) para ir ao Miami Designer District??

    Muito Obrigada!!

    Responder

  4. 17 outubro 2012

    Olá Paula!
    É bem fácil estacionar o veículo no Miami Design District. Há vários estacionamentos facilmente identificados. A maioria tem parquímetro. Por isso, observe ao redor e deixe pago o tempo que vc acha que irá ficar por lá para não ser multada…
    Obrigada pelo elogio ao blog!!!
    Bjs, Anna

    Responder

  5. rebecca
    12 dezembro 2012

    Olá Anna Bárbara,
    Estou viajando para miami esse final de semana e gostaria de saber se essa loja da Y-3 tem roupas a preços acessíveis ou é carissima? Sou jovem, e estou querendo roupas diferentes, você teria alguma loja especifica que fique fora dos olhos dos turistas? Que só pessoas que moram em Miami costumam conhecer?
    Obg.

    Responder

    Anna Bárbara Respondeu:
    13 dez, 2012

    Olá Rebecca!
    Em geral, os preços da Y-3 são um pouco caros. Dê uma olhadinha no site da loja: http://www.y-3store.com/us/women
    Não sei se vc curte brechô, mas achei bem interessante os itens da loja Fly Boutique que ficam na Licoln Road. A Lincoln Road é bem turística, mas essa loja não é tanto. Veja esse post aqui: http://www.nosnomundo.com.br/2011/07/compras-e-co
    O site da loja é esse: http://www.flyboutiquevintage.com
    Bjs, Anna

    Responder

  6. Lourdes
    6 janeiro 2016

    Estivemos em Miami, alugamos um carro e fomos à Key West, Naples, St. Petersburg, Tampa, Orlando, Cabo Canaveral e Boca Raton… foi uma viagem incrível, sensacional mesmo… a não ser por um detalhe que gostaria fazer um alerta sobre o Hotel Postcard Inn on the Beach em St. Petersburg – Flórida:

    Hotel péssimo. Além da sujeira nos corredores, escadas, do ambiente em modo geral e do atendimento, tivemos o maior constrangimento já experimentado em nossas vidas.
    No check in, como de costume, fizemos um depósito (que poderia ser em dinheiro ou em cartão) solicitado por eles de U$ 100,00 para possíveis despesas dentro do hotel. Como ficamos 4 dias, no dia em que a despesa ultrapassou o valor do depósito, o responsável pelo hotel foi ao quarto em que meu filho e minha nora estavam hospedados, com dois seguranças truculentos, alegando que estávamos devendo e que, após o pagamento, teríamos que nos retirar imediatamente do hotel. Meu filho então, deixou o cartão de crédito em aberto para fechamento no check out que seria no dia seguinte. Na hora do check out, pedimos um recibo das despesas que foram debitadas no cartão e o fechamento do mesmo. A atendente da recepção informou grosseiramente, que não faria nem uma coisa nem outra e, para nossa surpresa, chamou a polícia.
    Não acreditamos quando vimos um Xerife e seu assistente entrando no hotel por nossa causa…
    Para encurtar a história: O Xerife, após ouvir os dois lados, ordenou à recepcionista que fornecesse o recibo e desculpou-se pelo inconveniente (o Xerife que muito provavelmente esteja acostumado às confusões causadas pelo hotel). Portanto, caso você queira ir para St. Petersburg (St. Pete Beach), escolha ficar em qualquer outro hotel caso não queira correr estes riscos…
    Se este comentário for decisivo para que apenas UM viajante não escolha este hotel já nos sentiremos úteis.
    Obs.: Não tem elevador e caso vc não seja mais tão jovem, a dificuldade com as malas e o piso escorregadio são grandes e o pessoal do hotel fica só olhando o seu incômodo sem o menor embaraço.

    Responder

Pingbacks & Trackbacks & Tweetbacks

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.