Como estão os preços em Buenos Aires?

pt-br

Mesmo com o real muito valorizado frente ao peso, a Argentina não é mais a meca do consumo barato na América do Sul.

Lembro de uma época em que brasileiros voltavam com excesso de bagagem da Argentina, trazendo nas malas desde artigos em couro, como casacos, botas e bolsas, a eletrônicos, perfumes e vinhos. Os vinhos ainda compensam – e muito, dependendo do rótulo. Com relação aos demais itens, a diferença de modo geral é pequena, mas, ainda assim, é possível fazer boas compras. O segredo é torcer para achar um preço de ocasião e olhar com olhos bens atentos o Duty Free, especialmente o de Ezeiza, que é enorme, tem uma infinidade de produtos e preços mais atrativos que o Duty Free de Guarulhos.

Câmbio

Na semana passada, o melhor câmbio que encontrei em Buenos Aires foi em uma minúscula casa de câmbio/lotérica/lojinha na Avenida Santa Fé esquina com a rua Armenia, em Palermo. Lá 1 real valia 2,30 pesos argentinos.

Ouvi dizer que a melhor cotação era do Banco de la Nación Argentina, em que 1 real era trocado por 2,34 pesos. Desembarcando em Ezeiza, fica fácil fazer câmbio nesse banco. Há uma agência no saguão do aeroporto, fora da área de desembarque internacional. Lá há uma taxa de câmbio “especial” para os turistas do dia, sendo necessário apresentar o cartão de embarque.

A pior cotação que encontrei foi a da Galerías Pacífico. Na Casa de Câmbio Metropolis, que fica no subsolo, próximo à Praça de Alimentação, 1 real era trocado por 2,10 pesos.

Táxi

Os táxis em Buenos Aires continuam com ótimos preços. Para ir de Palermo Soho, onde estava hospedada, até o Microcentro, cuja distância é bem considerável, pagava cerca de 30 pesos, ou seja, menos de R$ 15.

Mas fica a dica: como em todas grandes cidades, é bom ter cuidado com os taxistas “espertinhos”. Sempre verifique se o taxímetro está ligado e desconfie quando alguém na rua te oferecer uma corrida de táxi a preço fixo. Quando desembarcamos do Buquebus no Puerto Madero, a fila para conseguir um táxi estava gigantesca e rapidamente apareceu um rapaz, aparentemente de um rádio táxi, nos oferecendo um táxi até Palermo Soho por 78 pesos. Como me lembrava que o táxi na cidade era barato, desconfiei e recusei o serviço. Aguardamos na fila pelo táxi regular e, ao chegar no hotel, a surpresa foi o preço cobrado: apenas 29 pesos. Quanta diferença!

Alimentação

Os gastos com alimentação são, em sua maioria, similares ou ainda um pouco menores que no Brasil. Veja alguns exemplos:

Waffle de dulce de leche na Muu lecheria – 26 pesos

Bife de chorizo no La Caballeriza – 88 pesos

Cheesecake de frutas vermelhas no Nucha – 16,50 pesos

Espumante Chandon com 2 energéticos no Moranda Soho – 50 pesos

Empanada no Moranda Soho – 5 pesos

Café da manhã no Bar 6, com suco, café, misto quente e croissant – 27 pesos por pessoa

Drink no Bar Isabel – 40 pesos

Buenos Aires Buenos Aires

Fotos: Arquivo pessoal. Waffle de Dulce de leche e Cheesecake de frutas vermelhas.

Vinhos

Para quem aprecia vinhos, compensa trazer alguns rótulos para casa, especialmente das cepas malbec e torrontés, especialidades argentinas.

Buenos Aires

Foto: Arquivo pessoal

Uma observação: nunca traga os vinhos na mala. A chance da garrafa quebrar e destruir todas as suas roupas é grande. Opte por despachar as garrafas como bagagem. Veja aqui Como despachar os vinhos comprados na Argentina, sem estragar suas roupas e sua viagem?

Vestuário, Perfumes e Maquiagem

Achei os preços de roupas e artigos em couro iguais ou pouco mais baratos do que no Brasil, com pequenas exceções.

Uma das exceções foi a bolsa que comprei na Prüne, famosa marca argentina que vende bolsa e artigos em couro. A bolsa ao estilo Mulberry Alexa saiu por 398 pesos (cerca de R$ 173).

Buenos Aires

Foto: Arquivo pessoal

Nos outlets que fomos achei alguns preços interessantes. Mas, como em qualquer outlet, é necessário ter tempo e paciência para separar o joio do trigo, e sorte para encontrar algo interessante.

Em um outlet multimarcas na Calle Gurruchaga, vi camisas polo masculinas da Lacoste por 242 pesos, cerca de R$ 105. As opções de cores eram bem limitadas, mas o preço, com certeza, mais atrativo que no Brasil. É bom registrar, contudo, que no Duty Free o preço da camisa polo Lacoste era ainda melhor: USD 58, menos de R$ 100.

Alguns endereços de outlets em Buenos Aires: Puma: Calle Gurruchaga 807; Nike: Av. Córdoba 4660; Lacoste: Calle Aguirre 875; Caro Cuore: Av. Córdoba 4716; La Martina: Aguirre 957; Prune: Gurruchaga 861.

Com relação aos perfumes e maquiagens, achei os preços de Buenos Aires bem caros. Alguns produtos custavam o dobro (ou mais do dobro) do preço do Duty Free.

Maquiagem Por exemplo, o Tinted Lip Conditioner da MAC, um bálsamo emoliente protetor para os lábios com fator de proteção solar 15, na cor fúcsia, custava 130 pesos na MAC PRO da Galerías Pacífico.

O mesmo produto no Duty Free de Ezeiza custava USD 14,50 e no de Guarulhos USD 17.

Por isso, a dica é deixar para comprar perfumes e maquiagem no Duty Free. E entre o de Guarulhos e Ezeiza, eu não pensaria duas vezes: Ezeiza é a escolha! O free shop de lá é enorme, tem mais opções e os produtos que comparei tinham preços melhores. Além disso, tem MAC e Havanna!

  1. Ei Anna, a melhor casa de câmbio de Buenos Aires é uma que descobri perto da rua Florida, na última vez que fui pra Buenos Aires, em Setembro do ano passado. Era ainda melhor que o do Banco de La nación. Indiquei para um amigo meu e ele, na semana passada, trocou real por peso a 2,42!!!! Vale a pena. O endereço está neste post aqui –> http://namochiladaanny.blogspot.com/2010/09/real-

    Espero ter ajudado!

  2. Oi Anna! Pode me chamar de doido, mas eu sempre trago as bebidas dentro da mala! Uma vez, em que fui para a Espanha e Portugal, foram cinco garrafas (devidamente distribuídas em duas malas). O que eu faço é enrolar bem a garrafa numa roupa (de preferência uma à qual você não seja muito apegado) e depois colocá-la no meio da mala, não nos cantos. Mas, de fato, conheço gente que já teve problemas com garrafas quebradas. Enfim, aguardo seu post a respeito!

  3. Olá Anna!!!

    Preciso de sua ajuda, sou marinheira de primeira viagem..rs
    Estou indo na próxima semana para Buenos, se o vulcão permitir…
    Eu vou desembarcar no Aeroparque, lá tem Duty Free?? É melhor eu já comprar na Duty de Guarulho na ída???
    Com relação ao cãmbio estou super preocupada, pois até onde sei a melhor cotação é do La Nacion, porém não tem no Aeroparque, estou com receio de trocar em casa de câmbio devido a questão de notas falsas.

    • Oi Gisele,
      Quanto às compras, tudo é uma caixinha de surpresas, por conta das promoções e variações cambiais.
      Eu, particularmente, não gosto de comprar no Duty Free de Garulhos na ida, à exceção de alguma coisa que eu considere absolutamente essencial e que seja difícil de encontrar. Penso que, em geral, dá para achar preços mais interessantes no exterior.
      A minha sugestão é que vc anote os preços do free shop de Garulhos e compare com os preços em Buenos Aires. Se compensar, vc pode reservar os produtos no Duty Free de Garulhos, para pegá-los na volta.
      Quanto ao Duty free do Aeroparque, não me lembro de ter lojas na chegada dos voos internacionais. Qdo do retorno para o Brasil, com certeza há free shop. Não é tão grande com o de Ezeiza, mas é bom.
      Com relação ao câmbio, acho interessante fazer saques com seu cartão bancário lá em Buenos Aires. Vc recebe pesos e a tarifa não costuma ser muito ruim. Consulte ao seu gerente para saber se o seu cartão bancário permite saques no exterior direto da sua conta-corrente e veja qual é a taxa.
      Também acho interessante levar uma quantia em real para fazer câmbio em casas de câmbio. Sempre procure lojas grandes ou bancos, para ter mais segurança. Na Calle Sarmiento, no Centro, há várias lojas de câmbio. Tem, inclusive, uma agência do Banco do Brasil na Calle Sarmiento, 487, esquina San Martin.
      Espero que tenha ajudado!
      Torço para que o vulcão fique calminho e que vc faça uma boa viagem!!!
      Depois volte para contar como foi!

  4. Oie Anna, tudo bem estou adorando suas dicas, gostaria de saber se os valores desse site do D.F da Argentina que vc postou vale para o D.F do aeroparque tb? ou é só o DF de Ezeiza ?
    obrigada pela ajuda desde já agradeço.

    • Oi Leonardo!
      Nunca fui para Buenos Aires em janeiro… Mas penso que visitar os hermanos é bom em qualquer época.
      Com certeza deve estar mais cheio, até mesmo pela quantidade de brasileiros que invadem a Argentina nas férias. Não acredito, contudo, que isso seja um grande problema.
      O clima é parecido com o Brasil e os preços ainda continuam bem atraentes…

  5. Olá. Cheguei de B.A. na semana passada e acho que posso contribuir com algumas informações: 1 real vale aproximadamente 2,50 pesos, mas é melhor fazer a troca no aeroporto, pois na cidade os bancos não estão trocando para turistas, e as casas de câmbio desvalorizam muito o dinheiro. O taxi de Ezeiza ao centro está em aproximadamente 40 dólares ou 160 pesos. Com muita negociação, conseguimos por 30 dólares. O preço desse taxi agora é tabelado e está difícil negociar.Para hospedagem, sai muito mais barato e confortável alugar apartamento, ao invés de se hospedar em hotel. Há vários sites de aluguel de imóvel, e não tivemos qualquer problema. Pagamos 370 dólares por uma semana em apartamento na Corrientes.Os hoteis que consideramos “espelunca” estão no mínimo 80 dólares a diária para o casal.Quanto aos passeios, o city tour está 70 pesos por pessoa, o Jardim Japonês está 8 pesos por pessoa, o zoológico de Lujan está 100 pesos para não residentes, mas vale pagar. A passagem de ida e volta ao zoológico custa 20 pesos por pessoa. O passeio do Tigre é 70 pesos por pessoa, mas achei pura enganação, não vale o preço. O show de tango varia entre 80 e 220 pesos por pessoa, dependendo do gosto. Para o tango, não é bom comprar pacote, que sai o dobro do preço. É preferível comprar os ingressos direto no local, com antecedência. Os ônibus custam 1,10 pesos, que só podem ser pagos em moeda. O metrô também custa 1,10 pesos, e nos leva a todos os lados.

    Acho que já é o bastante. rs

  6. Suas anotações estão tuuudo de bom!!!
    As pesquisas que fiz nos Duty Free da Asia apontam no mesmo sentido: os preços de GRU estão compensando mais! Ainda que a diferença ser pequena…
    O único problema de GRU é a pequena quantidade de opções. O DF de Ezeiza e todos os demais que visitei (Bali, Singapura e Hong Kong) são infinitamente maiores.
    A conclusão é: se achar o que procura em Guarulhos, compre por lá mesmo!!

  7. Olá Ana, adorei suas dicas. Vou para Buenos Aires na próxima segunda e estou super ansiosa. Gostaria de comprar botas, casacos de couro e outras roupas…..qto vc acha que eu deveria levar em dólar e em pesos??? Tenho medo de fazer o câmbio lá. Me ajude!!!! bjossss

    • Oi Livia!
      Não saberia dizer quanto vc deve levar em dinheiro. Isso é muito pessoal….depende do qto vc quer gastar… E quando se trata de compras, o céu é o limite! rsrs
      Eu, particularmente, não costumo levar pesos nem dólar. Prefiro levar certa quantia em real (que é bem fácil de fazer câmbio em Buenos Aires), um cartão Travel Money e um cartão de crédito que tenha a opção de saque no exterior.
      Registro que sempre achei bem seguro fazer câmbio no Banco de la Nación em Ezeiza. Tb não tive problemas em fazer câmbio nas Galerías Pacifico, apesar do câmbio desfavorável.
      Sacar dinheiro da sua conta corrente tb é bem fácil. Há bancos Santander em todas esquinas e tb há outros bancos na Sarmiento, como o Banco do Brasil. Mas verifique antes se a sua conta permite esse tipo de transação e qual é a taxa.
      Considere a opção do Travel Money, talvez seja uma boa opção para vc que não quer fazer câmbio. É mais seguro que dinheiro e não tem as taxas e o IOF do cartão de crédito.
      Espero que tenha ajudado. Bjs, Anna

  8. Gostei do post kkk

    Mas me tira uma duvida :

    Estou com uma eterna duvida ! Vamos supor que eu compre em dólar no Free Shop de Ezeiza. Eu troco reais em dólar direto ou eles trocam reais para pesos e só depois de pesos para dólar ? vou perder dinheiro ou compensa converter? No aeroporto de ezeiza aceita pesos correto ? compensa comprar em peso ou não ? como funciona ? quanto sai perfumes em pesos ? ME AJUDAA !!!!

    no aguardo(poderia passar msn pra gente conversar )

    • Oi Matheus,
      Como minha última viagem pra Buenos Aires foi em março deste ano, não sei te dizer qual a diferença do dólar e peso. A flutuação cambial é muito grande.
      Meu conselho é dar uma olhada na tarifas das casas de câmbio do aeroporto, especialmente a do Banco de La Nación, e depois fazer uma comparação pra o que compensa mais.
      Não creio que no Duty Free eles façam câmbio para real.
      Espero ter ajudado!
      Bjs, Anna

  9. Olá!!

    No momento, encontro-me em Buenos Aires.

    Realmente, apesar do real valer mais que o peso argentino, o poder de compra é o mesmo! Poucas coisas estão mais baratas. Acha-se, mas não como esperávamos!!

    Achei cotação de 2,40. Existe um site que vc pode consultar diariamente. Ele compara muitos locais e te informa onde está a melhor cotação do dia. É o dolarhoy!! Muito bom mesmo!!

    Um grande abraço a todos!!

  10. gostaria de saber a media de preço do taxi do centro de buenos aires ate o aeroporto de ezeiza. vou ta na rua 25 de mayo. to pensando em dispensar o transfer pra chegar mais cedo ao aeroporto e curtir o duty free. obg. adelma. se possivel me responder nesse e-mail, [email protected]
    sim… viajo sabado dia 7.1.2012.

  11. Esse tal rádio-taxi que cobrou 78 pesos, se chamam remixes eles realmente cobram a preço fixo. Mas são mais confiaveis que taxistas… pois se não conhece o caminho, o taxista pode ficar dando voltinhas com vc!!

  12. E quanto a diferença de real, peso e dolar… eu troquei a um bom preço, porém seria melhor ter ficado com real na Av santa fé, onde tem as melhores lojas, a maioria estão aceitando real e geralmente pagam melhor do que a taxa de cambio!

  13. Ola pessoal! estou indo pela 1 vez a buenos aires em fev, vou desembarcar no aeroparque, e estpu apreensiva quanto ao cambio, para eu levar o travel money, o real vai sair a 2,02, mmmuuiiitttooo pouco, vou verificar quanto ao meu cartao de banco o que dá para fazer, agora pergunto a vcs, compensa eu sair do aeroparque e ir em ezeiza fazer cambio? no banco de la nacion? ele fica fora da area de embarque desembarque? ou é melhor procurar casas d cambio em sarmiento?….o problema e q acho perigoso ficar andando com dinheiro…o que acham???

    • Olá Fernanda,
      Nem cogite em ir a Ezeiza só para fazer câmbio!! Fica muuuuito distante!!
      Existem boas opções de câmbio na cidade. A Calle Sarmiento é uma delas. Mas há tb outras casas de câmbio espalhadas na cidade com boas cotações.
      Não troque todo o seu dinheiro de uma só vez, se não se sentir segura para andar com muito dinheiro. Realmente, o risco é grande.
      Vc também pode sacar pesos diretamente de sua conta bancária. Verifique com seu banco essa possibilidade. Se for Santander, será bem fácil, pois há vários caixas por todos os lados.
      Bjs, Anna

    • Nooooossa Fernanda, nunca faça isso, chegando a Buenos Aires vá até uma casa de câmbio na Florida e troque seu dinheiro… Para vc ter uma idéia só de ir do aeropaque até o Ezeiza vc pagará o equivalente a R$200,00…

  14. ola, meu nome é luzia, moro em rondonia Brasil

    e quero muito conhecer a argentinha. Quero saber os lugares melhores pra conhecer, e fazer compras de perfumes, maquiagem e roupas… Tudo o que vc poder me indicar…. beijus’

  15. Olá Ana,
    gostaria de saber se vc pode me orientar…
    eu gostaria de desembarcar no ezeiza (por causa do DF, claro….rsrsrsrs), mas a agencia não conseguiu voo. Mas a atendente me falou que eu posso ir até o DF do ezeiza… e comprar lá. Esta informação confere?
    desde já,
    grata.

    • Olá Simone!
      Desembarcar no aeroporto Aeroparque é uma ótima opção. Lá também tem Duty Free, ainda que não tão grande como em Ezeiza. Além disso, o Aeroparque é muito mais perto do centro de Buenos Aires, o que acaba gerando uma economia considerável com o táxi.
      Não vale a pena ir a Ezeiza só pelo Duty Free. O aeroporto fica distante do centro (cerca de 1 hora) e não compensa só pelo Duty Free.
      Bjs, Anna

  16. Olá Anna, vi que você esteve em BSAS em março, como é o clima lá no período? Estou indo no dia 09… Minha dúvida é o tipo de roupa para levar. Será que vc pode me ajudar? Obrigadaa!

    • Olá Gabriela!
      O tempo ultimamente anda tão instável que acho melhor vc consultar sites de previsão do tempo para avaliar que roupas levar.
      O ano passado, no mês de março, não estava frio em Buenos Aires. Durante o dia fazia muito calor. Eu usava short e camiseta. À noite, esfriava um pouco. Bastava um casaquinho leve.
      Bjs, Anna

  17. Olá pessoal!
    Estou indo P/ Buenos Aires dia 23 de abril de 2012, quero saber sobre o clima de lá e também como está os preços dos perfumes e artigos de couro e alimentação.
    Aguardo um retorno
    bjos

    • Olá Lice,
      O clima anda tão doido que a melhor coisa a fazer é olhar a previsão do tempo. É bem capaz que já esteja friozinho.
      Imagino que os preços não tenham mudado muito de quando escrevi o post…
      Bjs, Anna

  18. Oi Ana Parabéns pelo site. Estou indo para Buenos Aires dia 11/04. Gostaria de uma dica.É melhor levar real e trocar por peso lá, ou fazer o cambio aqui em Curitiba? Obrigado.

    • Olá Paulo!
      Obrigada pelo elogio!
      É bom fazer uma consulta da taxa de câmbio antes de viajar. Compare o preço daqui do Brasil com os do Banco de la Nación na Argentina.
      Em geral, costuma ser melhor levar real e fazer o câmbio por lá ou efetuar saques com o cartão de crédito diretamente da conta bancária quando chegar na Argentina.
      Bjs, Anna

  19. Ola, estou indo pra BA dia 01/06, sou marinheira de primeira viagem tb…rs, vou desembarcar em Ezeiza, queria algumas dicas de hoteis proximos, passeios, compras, pois comprei só as passagens
    se o comercio la fica proximo, se tem restrição quanto as compras pra trazer pro Brasil, essas coisas…sobre a cotação ja peguei umas dicas por aqui, não gostaria de andar com dinheiro eu posso andar com cartão de debito?

    • Olá Lilian!
      Dê uma olhada nos outros posts que já escrevemos em Buenos Aires… Tem muitas dicas de restaurantes, bares e compras.
      Para evitar andar com dinheiro, uma boa opção são os cartões travel money.
      Bjs, Anna

  20. Olá Ana,
    Meu nome é Ana Paula, estou indo de lua de mel no dia 12/06, vou ficar no Orly Hotel perto das Galerias Pacífico, marinheira de primeira viagem, tem alguma dica com preços baixos para aproveitarmos nos restaurante e passeios?
    Bjusss e obrigada

    • Olá Ana Paula!
      Acredito que a grande dica é evitar as furadas. Fuja dos lugares "pega turista".
      Prefira lojas e restaurantes que os próprios portenhos costumam frequentar. Além de serem mais baratos, costumam ser lugares mais autênticos.
      Restaurantes e lojas onde só há estrangeiros, em geral, não são uma boa opção.
      Aproveite a viagem!!!!
      Bjs, Anna

  21. Olá Ana, estou indo para Bariloche dia 25 de julho, e na volta vou ficar desde 10:30 da manhã até 19:30 para pegar o vôo de volta para o Brasil. Estarei com os meus filhos e marido, gostaríamos de ir até os outles de Palermo, vc sabe se é perto do aeroporto Aeroparuqe? quanto custa mais ou menos o valor do ta´xi? e se tenho algum lugar nesse aeroporto para guardar as malas??? Obrigada!

  22. Bom dia, pessoal! Eu gostaria de saber, quanto gastaria por dia em B.A, com refeições (almoço e jantar). Incluindo bebidas(Ceveja, vinhso, etc..), claro! srsr
    Obrigado

    • Olá Bruno,
      É difícil dizer exatamente qual o gasto diário em uma viagem. São tantas variáveis… Depende do tipo de restaurante, dos pratos, da qualidade do vinhos…
      Dê uma olhadinha nos posts que já escrevi sobre Buenos Aires. Costumo dizer o preço dos pratos e das bebidas.
      Bjs, Anna

  23. Olaaa Ana estou indo para Buenos Aires dia 02/08/2012 desembarcando no aeroparque as 21:15 a essa hora como faço para poder achar uma casa de cambio aberta, o aeroparque tem casa de cambio 24h e o cambio la é compensavel ou vc me sugere outra casa de cambio p que eu possa fazer o cambio nesse horario?

    Desde ja agradeço a atenção

    • Olá Vinicius!
      Infelizmente não sei dizer se as casas de câmbio do Aeroparque funcionam 24 horas.
      Para não errar, minha dica é sacar dinheiro diretamente da sua conta corrente. Basta procurar um terminal de auto atendimento que tenha a bandeira do Visa ou Mastercard. Vc já recebe o dinheiro em pesos argentinos.
      A vantagem é não ter que se preocupar com o horário de funcionamento nem com o câmbio do dia, que é sempre ruim nos aeroportos.
      Bjs, Anna

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>