Comida criolla, feiras e fontes de águas luminosas em Lima

No post Conhecendo as praias de Lima e o Santuário Pachacamac, comecei narrando o passeio que fizemos nosso segundo dia em Lima, quando contratamos um tour privado da empresa Lima Mentor e visitamos as praias de Lima e pelo Centro Cerimonial Pachacamac.

Naquele dia, terminamos a visita ao Pachacamac por volta de 14h. Estávamos famintos e fomos direto para o restaurante Luchita, um tradicional restaurante na Praza de Chorrilos, em funcionamento desde 1968.

Restaurante Luchita

Restaurante LuchitaFotos: Arquivo pessoal

O casarão antigo, que lembra um castelo, tem pinturas no teto de 1876 e muitas fotos preto e branco penduradas na parede mostrando como era a cidade de Lima antigamente. É esse contraste do novo e do moderno que dá charme ao vários ambientes do restaurante.

Restaurante Luchita

 

Restaurante Luchita
Foto: Arquivo pessoal

Fomos recebidos pessoalmente pelos simpáticos donos, o Sr. Andrès Arias e sua esposa, a Sra. Luchita, responsável pelas maravilhas gastronômicas.

Restaurante Luchita Logo no começo tivemos uma aula de como preparar um bom pisco sour. É super fácil! São duas doses de pisco e suco de limão, uma dose de xarope (açúcar com água) e uma clara de ovo. No final, uma gotinha de angostura.

Entrei no clima e preparei um também. Tudo bem que o drink que eu fiz não ficou tão bom quanto o do garçom….Mas, ainda assim, estava gostoso.

Para as entradas, o Fred escolheu o Tiradito Trés Cremas, que é pescado coberto por três molhos diferentes, o guia Fernando escolheu Pulpo al olivo, em outras palavras, polvo com creme de azeitonas pretas, acompanhado com bolachas salgada, e eu optei pelas conchas gratinadas com camarão. Humm….

Restaurante Luchita Restaurante Luchita

Restaurante Luchita

Foto: Arquivo pessoal

Para os pratos principais, arroz com marisco, lomo saltado e tacu tacu al trés quesos.

Restaurante Luchita

Lomo saltado Tacu Tacu

Fotos: Arquivo pessoal

Todos os pratos estavam maravilhosos!

Apesar do Luchita não estar incluído na rota dos restaurantes famosos (e turísticos), não deixa nada a desejar, mesmo fazendo a comparação com os chiquérrimos Astrid y Gastón e Rafael Osterling, com a vantagem de ter um preço mais atrativo. Pena que esqueci de anotar os valores, já que o almoço estava incluído no preço do tour.

Endereço: Jr Zepita, 207. Chorrilos.

De lá, fomos passear no bairro Barranco, um local bohêmio, onde podem ser encontrados muitos artistas, cantores e bares.

Barranco

Foto: Arquivo pessoal

Primeiro caminhamos na Feira de Barranco, que acontece todos os domingos a partir de 12h. A variedade de comidas é enorme. Desde especialidades locais, a doces, queijos, pães e folhas de coca.

Feira em Barranco Feira em Barranco

Fotos: Arquivo pessoal

Também há um pequeno setor com artesanato e um local para apresentação de danças típicas.

Feira em Barranco Feira em Barranco

Feira em Barranco

Fotos: Arquivo pessoal

Ali próximo fica a Ponte dos Suspiros e o Mirante de Barranco, duas grandes atrações do bairro.  A Ponte dos Suspiros é uma ponte antiga de madeira com 44 metros de comprimento. Dizem que quem cruzar a ponte sem respirar terá um desejo atendido.

Barranco Barranco

Fotos: Arquivo pessoal

No Mirante é possível apreciar uma bela vista do oceano.

Mirador Barranco

Mirador Barranco

Fotos: Arquivo pessoal

De lá, pegamos o carro e fomos para o Mercado de Artesanías na rua Avenida Petit Thouars. Para quem procura um lembrança típica do Peru, esse é o lugar. São lojas a perder de vista. Porém, os itens de uma loja e de outra não costumam ser muito diferentes.

Mercado de Artesanías

Foto: Arquivo pessoal

Para encerrar o passeio, fomos ao Circuito Mágico del Agua, um parque belíssimo, onde as treze fontes de águas luminosas são a grande atração.

Circuito Mágico del AguaFoto: Arquivo pessoal

No final da tarde, quando as luzes começam a acender, o parque fica lotado. As águas dançam conforme a música e as luzes coloridas completam o show.

Algumas fontes são “interativas”. Você pode cruzá-las ou tentar correr até um determinado ponto, tentando não se molhar.

Circuito Mágico del Agua Circuito Mágico del Agua Circuito Mágico del Agua Circuito Mágico del Agua Circuito Mágico del Agua

Circuito Mágico del Agua Circuito Mágico del Agua

Fotos: Arquivo pessoal

O ingresso custa 4 soles e o horário de funcionamento é de quarta a domingo de 4pm às 10:30pm.

Endereço: Av. Petit Thouars esquina com a Jr. Madre de Dios. www.circuitomagicodelagua.com.pe

Curtimos demais o dia inteiro de passeio. Super recomendo!

Siga o Nós no Mundo no Twitter: @nosnomundo

Siga o Nós no Mundo no Periscope - @nosnomundo.

No Instagram: @nosnomundo

E curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/nosnomundo

Planeje sua viagem com a gente

Reserve seu hotel utilizando o Booking.com. Menor preço garantido! Se encontrar tarifa mais barata, eles reembolsam a diferença.

Alugue seu veículo com a RentalCars, a maior empresa on-line de aluguel de carros do mundo, e tenha o menor preço garantido!

Reserve uma casa pelo Airbnb e ganhe desconto no primeiro aluguel.

Compre moeda estrangeira com a Cotação. É seguro e você ganha descontos exclusivos!

* Reservando com os nossos parceiros através do Nós no Mundo, nós recebemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e, de quebra, ainda ajuda o Nós no Mundo a estar sempre atualizado.

Sobre Anna Bárbara

É louca por viagens! Nem acaba de chegar de uma viagem e já está pensando nas próximas (no plural, é claro!). Tem o passaporte carimbado em mais de 20 países e é apaixonada pela Ásia, ou melhor, por todos os destinos exóticos. Qual a melhor viagem? "Não há dúvida", diz ela, "a melhor viagem é sempre a próxima".

Deixe seu comentário:





* Campos de preenchimento obrigatório

** Ao enviar o seu comentário, você estará automaticamente concordando com a nossa Política de Comentários.